As principais notícias no Brasil e no Mundo

Algumas notícias de política, ciência, saúde e cidadania.

G1

AGU defende no STF legalidade de portaria que aumentou o limite de compra de munição

Advocacia – Geral da União ( AGU ) adicionou uma manifestação ao Supremo Tribunal Federal ( STF ) na qual defendeu a legalidade da portaria que aumentou o limite de compra de munição por quem tem direito ao porte e à posse de arma. O documento foi enviado nesta quinta-feira (6).

O Globo

Barroso determina que governo complemente plano para conter Covid-19 entre indígenas

BRASÍLIA – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso determinou nesta sexta-feira que o governo federal complemente op lano de barreiras sanitárias para povos indígenas preenchidos e de recente contato , apresentado como medida para evitar o avanço da contaminação da Covid- 19 nas aldeias. O ministro atendeu a um pedido da  Advocacia Geral da União (AGU), que alegou ter de incluir um estudo da  Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) por falta de tempo hábil.

do ConJur

Cooperação em acordo de leniência aplaca choque institucional

O Plenário do Tribunal de Contas da União decidiu, nesta quarta-feira (08/05), o processo arquivar contra o ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), Wagner do Rosário, e a ex-advogada-geral da União, Grace Mendonça , acusados ​​de atrapalhar a fiscalização do acordo de leniência entre o governo e a construtora Odebrecht.

do AllAfrica News

África: o coronavírus pode dobrar as mortes por malária, alertam pesquisadores

Cidade do Cabo – As mortes por malária na África podem dobrar este ano se a pandemia do coronavírus interromper as iniciativas de prevenção e tratamento da malária, afirmam pesquisadores do Imperial College de Londres.

Leia também:  Giro GGN: As notícias do Brasil e do Mundo

da BBC News

George Floyd: manifestantes dos EUA acusados ​​de ‘gangue’ enfrentam sentença de prisão perpétua

Os manifestantes em Utah que jogaram tinta no gabinete do promotor podem receber sentenças de prisão perpétua depois de serem acusados ​​de agir como uma “gangue”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome