Índios acusam TV Globo de incitar revolta durante enterro

Jornal GGN – Os familiares do índio terena Oziel Gabriel, presentes no enterro do jovem morto durante uma tentativa de reintegração de posse da fazenda Buriti, acusaram a repórter Cláudia Gaigher – “em uma atitude de desrespeito e provocação aos familiares e parentes, [ela] entregou uma cópia da decisão de reintegração de posse no entorno do túmulo perguntando aos presentes: O que vocês acham disso?”, disseram na página da resistência do povo terena em uma rede social. O ato da repórter e o documento geraram grande revolta no dia.

Segundo a página no Facebook da Resistência do Povo Terena, os telespectadores podem “assistir [sic] mais uma manipulação no Jornal Nacional”, acrescentam os índios.

Em reportagem exibida na edição desta segunda-feira (3), o Jornal Nacional informou que “os índios dizem que não receberam oficialmente a ordem da Justiça e, em protesto, rasgaram uma cópia do despacho da juíza mostrado por nossa equipe”.

Veja a reportagem realizada pela equipe da TV Globo e, logo abaixo, a resposta da Resistência do Povo Terena no Facebook:

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome