Mídia internacional “enterra” Temer, por Altamiro Borges

do Blog do Miro

Mídia internacional “enterra” Temer

por Altamiro Borges
Enquanto a mídia brasileira – em especial, a TV Globo – distorce a cobertura sobre a “Lista de Fachin”, dando maiores espaços às acusações contra o ex-presidente Lula, a imprensa internacional já percebeu que as bombásticas delações dos chefões da Odebrecht inviabilizaram de vez o covil golpista de Michel Temer. Nesta quinta-feira (13), os principais veículos estrangeiros registraram que as novas denúncias de corrupção devem paralisar a já capenga economia nativa, dificultar as contrarreformas dos golpistas e abalar ainda mais a já baixa popularidade do usurpador. Alguns deles inclusive já preveem o enterro do Judas.
A Agência Reuters, por exemplo, postou que o escândalo desperta os “temores de caos” no Brasil, provocando a paralisia do Congresso Nacional. “Oito ministros do governo e 12 governadores foram varridos pelas denúncias, bem como dezenas de parlamentares e quatro ex-presidentes”, diz a reportagem, replicada em 6,2 mil veículos de imprensa espalhados pelo planeta, incluindo Washington Post e New York Times. Já o jornal francês Le Monde também abordou os estragos causados no covil golpista. “Um terço do atual governo, mas também dezenas de deputados e senadores, são alvo de investigações relacionadas com o escândalo da Petrobras”, relata a jornalista Jeanne Cavellier.

Na internet, as notícias mais compartilhadas no mundo são: “Governo Temer cambaleia com novas acusações de corrupção”, do jornal ianque New York Times, e “Corrupção no Brasil: oito ministros são citados”, da rede britânica BBC. No Facebook, o destaque é para a matéria publicada no Financial Times: “São 74 políticos, incluindo oito ministros. As investigações podem desestabilizar o governo Temer num momento em que reformas difíceis tramitam no Congresso”. No YouTube, a Hispan TV ironiza: “Alguém do governo Temer está limpo?”. Já a estadunidense CNN pergunta se as “delações do fim do mundo” podem também representar “o fim do governo Temer?”. 

Leia também:  O Poderoso Chefão, por Clarisse Toscano de Araújo Gurgel

Um dia antes, na quarta-feira, a Associated Press também havia feito a mesma indagação. Após afirmar que um “tsunami” atingiu a política brasileira, a AP lembrou que Michel Temer, alvo de processo na corte eleitoral que pode cassar seu mandato, tem apenas “imunidade temporária”. E o site Bloomberg lembrou que as investigações de “aliados mais próximos ameaçam desestabilizar o governo” do usurpador “em um momento-chave” para a sua “impopular agenda de reformas”. Para encerrar, vale citar novamente o “prestigiado” – pela cloaca empresarial – New York Times, que concluiu que as investigações em curso podem representar “outro golpe para o sitiado governo de Temer”. 

Pelo jeito, a imprensa internacional está mais sintonizada com a realidade brasileira do que a mídia chapa-branca nativa!

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

4 comentários

  1. “Pelo jeito, a imprensa

    “Pelo jeito, a imprensa internacional está mais sintonizada com a realidade brasileira do que a mídia chapa-branca nativa!”

    Ou não. Nosso povo só fala em Lula, Lula na cadeia, etc…

    É dificil promover grandes manifestações agora, ainda mais que parte da esquerda que as frequenta mostrou sua cara na lista da odebrecht. A turma do Ciro Gomes  e o PSOL estão se mostrando do lado de lá. Não conto com nenhum deles em manifestação para evitar a preisão do Lula. Ou o povo se manifesta como ainda não se manifestou até o 3 de maio, ou estamos ferrados.

    A Verdade é que a mídia Internacional pressupõe que o nosso povo é como o deles e não é. A Mídia Nacional entende melhor como nosso povo funciona. SE tivéssemos um povo de Verdade, temer nem tinha assumido.

    Independente do que se tem sobre Lula, oque foi revelado sobre esse governo é mais grave que agravação com Lula e Dilma. E cadê o povo protestando ??

  2. O que enfraquece
    Adoraria compartilhar essa importante notícia, mas a adjetivação raivosa desacredita o fato importante e só convence aquem já está mais do que convencido do horror Michel Temer. Perdeu seu tempo! Pena!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome