Dia de luta contra Reforma da Previdência mobiliza trabalhadores de várias categorias por todo o país

Foram registradas mais de 100 mobilizações em fábricas e outros locais de trabalho logo na manhã desta sexta. Ao longo do dia, novas paralisações

Logo de manhã cedo, assembleia reuniu trabalhadores na GM de São José dos Campos - Foto: Divulgação

Do CSP-Conlutas

O dia nacional de lutas e paralisações contra a Reforma da Previdência, definido pelas centrais sindicais nesta sexta-feira (22), teve início com uma forte mobilização na base de trabalhadores de diversas categorias, como metalúrgicos, petroleiros, trabalhadores químicos, dos Correios, do setor de alimentação, entre outros. Foram realizadas assembleias, atrasos nas entradas de turnos e panfletagens.

O mais forte ato aconteceu em São Bernardo do Campo (SP), que unificou principalmente os metalúrgicos da Mercedes Benz e da Ford (CUT) numa grande passeata, que percorreu o trajeto entre as empresas e o centro da cidade. A manifestação reuniu representantes de todas as centrais sindicais.

O Vale do Paraíba (SP), região com forte peso industrial, também teve forte mobilização.

Em São José dos Campos, os metalúrgicos da GM realizaram assembleia em que repudiaram a reforma apresentada por Bolsonaro e prometeram intensificar a luta. O Sindicato dos Metalúrgicos local, filiado à CSP-Conlutas, realizou atividades em outras sete fábricas, em que houve a mesma votação. Em Jacareí (SP), houve ainda mobilizações em empresas como Basf, Heineken e em servidores municipais.

Em São Paulo e região metropolitana, foram realizadas mais de 70 assembleias, envolvendo 25 mil metalúrgicos (Força Sindical).

Em Minas Gerais, metalúrgicos filiados à CSP-Conlutasde várias empresas também começaram o dia se somando à mobilização nacional em defesa da aposentadoria, como trabalhadores da Granha Ligas, em São João Del Rei, Minas Liga, em Pirapora, e Gerdau, em Divinópolis. Houve ainda mobilizações de metalúrgicos no Paraná e Rio de Grande do Sul (Força Sindical).

Os condutores de São Paulo atrasaram em duas horas a saída dos ônibus das garagens. Metroviários da Linha Azul usaram coletes contra a reforma, em mobilização de protestos aprovada pela categoria.

Em Belém (PA) e Fortaleza (CE), em várias obras, operários da construção civil também se mobilizaram em defesa do direito à aposentadoria.  Outras categorias como servidores públicos, professores, bancários, trabalhadores dos Correios também realizaram protestos em várias cidades.

Na avaliação da CSP-Conlutas a mobilização fortalece a luta para barrar a reforma. “O dia começou com fortes mobilizações nos locais de trabalho, demonstrando desde a madrugada a disposição dos trabalhadores em barrar essa nefasta reforma do governo Bolsonaro que significa o fim do direito à aposentadoria. Nossa luta está apenas começando. Vamos rumo à Greve Geral”, avalia um dos dirigentes da CSP-Conlutas, Luiz Carlos Prates, o Mancha.

Ao longo do dia aconteceram também atos e manifestações em todos os estados e no Distrito Federal. Mais de 100 cidades têm programação. Acompanhe abaixo como foram os atos por todo o país:

22/3 | DIA NACIONAL DE LUTASNesse dia de Luta Contra a Reforma da Previdência, os trabalhadores da Mina da Vale…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAEm Iguatú (CE), trabalhadores do campo e da cidade, servidores públicos municipais, estaduais…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAEm Fortaleza (CE) após atividades por categoria, trabalhadores de diversos setores realizaram…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

Fala de Atnagoras Lopes no ato da Ford

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAFala do dirigente da CSP-Conlutas Atnagoras Lopes no ato, com paralisação, dos metalúrgicos da Ford, no ABC, contra a Reforma da Previdência. Confira:

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 | DIA NACIONAL DE LUTAConfira algumas imagens do protesto do Dia Nacional de Luta contra a reforma da Previdência,…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 | DIA NACIONAL DE LUTASNesse dia de Luta Contra a Reforma da Previdência, os trabalhadores da Mina da Vale…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTA Os trabalhadores das metalúrgicas Ford e Mercedes Bens, no ABC, realizaram uma forte…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTATrabalhadores municipais e professores nas ruas de Campinas (SP).Todos e todas contra a…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTACondutores de SP fizeram panfletagens e assembleias em garagens. Houve atraso na saída de…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAAto e caminhada em São Luís (MA). Em torno de 3000 trabalhadores do campo e da cidade,…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/03 DIA NACIONAL DE LUTAEm Araranguá (SC), o dia de luta foi marcado por um ato no centro da cidade. O 22 de março…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTATrabalhadores da San Gobaint, empresa química de Vinhedo (SP), realizam assembleia e protestam…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTATrabalhadores dos Correios de Criciúma (SC) estão juntos na luta contra a Reforma da…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAEm Belém (PA), bancários realizam protresto em frente ao banco da Amazônia e dizem Não à…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAEm Belém (PA), trabalhadores toma as ruas em ato unificado. Diversas categorais dizem Não à…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/03 DIA NACIONAL DE LUTAEm Curitiba (PR), metalúrgicos começam o dia com protestos e se unificam com demais…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAAto em Teresina (PI) reúne categoria docente da UESPI e outras categorias contra a Reforma da…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTA Em Natal (RN), trabalhadores da universidade UFRN realizaram assembleia na parte da manhã e…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASO Fórum de Lutas do Vale do Paraíba que reúne sindicatos de várias categorias, como…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASTrabalhadores da USP também se mobilizaram neste dia 22/3 para denuncia que a Reforma da…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

Tuitaço agora #LutePelaSuaAposentadoriaBom dia! Participe do Dia Nacional de Luta em Defesa da Previdência usando a…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASO Movimento Luta Popular no ato unificado em Osasco em protesto à Reforma da Previdência de…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAMetalúrgicos da Ford e da Mercedes, do ABC, em passeata contra a Reforma da Previdência e contra as demissões nas fábricas.

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAOperários da construção civil de Fortaleza. As obras paralisam para fazer assembleias contra…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

 

23/2 DIA NACIONAL DE LUTASAto dos metalúrgicos da Ford se unifica com ato dos metalúrgicos da Mercedes. Passeata acontece agora!#LutePelaSuaAposentadoria#NaoAoConfiscoDaAposentadoria#ReformaDaPrevidenciaNão

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASEm São Paulo e região metropolitana, foram realizadas mais de 70 assembleias, envolvendo 25…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

23/2 DIA NACIONAL DE LUTAMetalúrgicos da Ford, no ABC, berço das lutas sindicais, fazem um grande ato contra a Reforma…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTAAssembleia e atraso de entrada no TABG (Terminais Aquaviários da Baía de Guanabara), no Rio…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASEm Belém (PA), em vários canteiros de obras, operários da construção civil se mobilizam no…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASNo Vale do Paraíba, em São José dos Campos e Jacareí, além dos metalúrgicos que realizaram…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASEm Minas Gerais, metalúrgicos de várias empresas também começaram o dia se somando à…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASAssembleia atrasa entrada do primeiro turno na General Motors, de São José dos Campos, nesta…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

 

22/3 DIA NACIONAL DE LUTASO dia nacional de lutas contra a Reforma da Previdência já começou quente. Em São Paulo,…

Publicado por CSP – Conlutas em Sexta-feira, 22 de março de 2019

 

4 comentários

  1. Buen articulo, mucha gente dice que la tecnología nos
    esta consumiento, pero nunca esta
    de más utilizarla en todo lo que podamos para
    nuestro favor. Saludos desde México.

  2. Vergonhosa a não cobertura do PIG, capitaneada pela Globo, das manifestações em todo o Brasil! Nenhuma nota sobre milhares de pessoas nas ruas protestando contra essa reforma infame! Mostra o engajamento dessa mídia marrom com a “reforma”!

  3. Então,.. Na verdade, não queria dizer isto, dada a real NECESSIDADE de mobilização dos cidadãos contra a reforma. Mas é duro saber que, apesar de todos os problemas que temos, há grupos de esquerda se digladiando em torno disto. A Conlutas tem mandado fogo, NO PIOR MOMENTO e quando deveria agregar e não desagregar, na CUT e no PT. É complicado mesmo fazer esta leitura, infelizmente. Mesmo nesta hora, aparece aquela briga de grupelho. Fico lendo os panfletos, é só pau no PT e na CUT. Desculpa, mas esse pessoas do PSTU (que é Conlutas) tem que criar vergonha na cara, já erraram feio com esse tal de Fora Todos, pois deu espaço pra direita e gente como Bolsonaro. É assim que penso, tremenda cara-de-pau dessa gente: na minha leitura, eles também são responsáveis por esta crise. O PSTU defendeu abertamente “dar um basta no governo da Dilma”, apoiou o impeachment seguido de uma eleição geral (proposta tola, aliás). Esse ultraesquerdismo tosco, burro mesmo, pode fazer par com o Bolsonaro.. Greve geral parece ser a superfície; na verdade, o PSTU (Conlutas) defende greve geral para qualquer coisa. E qual o busílis: defender e construir uma greve geral ou não? Se sim, vai depender da CUT e do PT também. Então, a Conutas deveria é guardar seu ranço e sua tosquice pra eles mesmos, A gente não tá livre de briguinha de quintal nem nesta hora.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome