Após anos compondo, Caco Mendes apresenta seu primeiro álbum

CD nomeado "Sou Eu" conta com a produção do baixista Arthur Maia, morto em dezembro de 2018

Divulgação

Jornal GGN – Caco Mendes passou anos com seu violão compondo canções, que agora chegam ao público com o lançamento de ‘Sou Eu’. Álbum de estreia, o músico contou com a parceria do baixista Arthur Maia, morto em dezembro passado. Amigos, Arthur dividiu com Caco a produção musical e os arranjos de ‘Sou Eu’, além de participar das gravações como integrante da banda do novo CD, disponível nas plataformas digitais em 22 de março.

É entre samba rock, passando pela Bossa, Jazz, Blues e Baião, que Caco e seu violão exploram letras sobre a sociedade, o cotidiano, os relacionamentos, seja de forma apaixonada ou irônica. E acompanhando essa viagem a cantora Amelinha, se junta aos músicos em uma participação especial.

O repertório é todo assinado por Caco e apresenta as canções: Singelo, Roleta Russa, Samba do Amor Verdadeiro, Tua Sede, Verdades, Morena Má, O Post, Sou Eu, Onde Havia Uma Calçada, Eterna Paixão, Respeito Bailarina.

No CD, Caco (violão, guitarra e voz) conta com Arthur Maia (baixo, percussão e coro) na maioria das músicas, exceto na instrumental Bailarina. Nas faixas, a banda tem diferentes formações e conta Bebe Kramer (acordeon), Rafael Barata (bateria), Claudio Andrade (teclados), Felipe Martins (bateria), Gustavo Di Dalva (Percussão), Sérgio Chiavazzoli (cavaquinho), Téo Lima (bateria), Felipe Tauil (percussão), Marcelo Martins (sax), Claudio Infante (bateria), Davi Lima (sax, flauta), Everton Machado (trompete), Misael de Oliveira (trombone), Francisco Carlos (acordeon), Lui Coimbra (violoncelo) e Cassio Duarte (percussão).

Músico carioca, Caco é compositor desde muito jovem e tem guardado centenas de músicas. Com as influências do Rock, o compositor conduz a maioria de suas músicas com os “riffs”de seu violão, mas sempre com ênfase às melodias e letras.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome