João Gilberto por Adelbar Duarte

Por Adylson Machado


Poucos no Brasil conhecem o trabalho de Aderbal Duarte tendo por tema João Gilberto. Para Aderbal, a Bossa Nova não é, como muitos querem fazer crer, tão somente um movimento musical “nascido na Zona Sul” do Rio de Janeiro. Mas, acima de tudo, um movimento estético que encontra em João Gilberto o seu “pensador” a partir de aspectos que são expressão no Nordeste, como o modalismo.

Assim, o nordestino João desenvolveu a partir de seu inconsciente um processo único e de difícil tradução, por suas peculiaridades.

Aderbal Duarte é, nada mais nada menos, a pessoa escolhida pelo próprio João Gilberto para escrever e transcrever a sua obra. Tem um trabalho, reconhecido, que ultrapassa as fronteiras do País. Para Aderbal “ninguém no mundo trata o rítmo do samba como elemento estético com a mesma perfeição que João Gilberto… João é um tratado de estética que abrange técnicas de interpretação, arranjo e execução musical”. 

O texto que justifica o comentário traz singulares observações, mas gostaríamos de encontrar nele referências ao trabalho desenvolvido por Aderbal Duarte, que resulta em estudos e pesquisa durante 30 anos. Qualquer dúvida em localizá-lo, baiano que reside em Salvador, basta telefonar para João Gilberto e ele dirá como encontrá-lo, pois não basta sobre ele o que se encontra na rede.

Abraços

Adylson Machado

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome