O violão de Eduardo Falu

O Brasil vive correndo atrás dos ingleses, na descoberta do violão latino-americano. Não falo do paraguaio Agustín Barrios, que faz parte da história do violão brasileiro. Mas o venezuelano Antonio Lauro precisou, primeiro, ser redescoberto por John Williams para começar a freqüentar o repertório de violão brasileiro. Apenas um brasileiro, Marcelo Khayat – grande vocação que o violão perdeu para o mercado financeiro – navegava pelas águas de Lauro.

Outro sobre o qual andei escrevendo na “Folha” é o maravilhoso argentino Eduardo Falu. Violonista, compositor, cantor de primeiríssima, Falu está começando a entrar nas rodas de violão brasileiro pelas mãos de Yamandu Costa.

No vídeo, confira David Russell, o sucessor de John Williams, tocando Falu ( clique aqui).

Para mim, o melhor CD de Falu é em duo com Paco Pena, violonista flamengo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora