Trivial de Verônica Ferriani

Do Portal Luís Nassif

Carolina de Jesus – Verônica Ferriani + Rolando Boldrin

* Adicionado por NAKAMURA

Marchinhas divertidas de carnaval da Carolina de Jesus cantada pela bela cantora Verônica Ferriani. a minha contribuição para carnaval no portal.

Comentário

Verônica Ferriani é uma graça de sambista. Cantou um samba meu no “Ensaio” de Fernando Faro e em um show que fizemos no MIS em 2007.

Olha só esse pout-pourri de marchinhas no programa do Boldrin.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

11 comentários

  1. Bem, em sábado de carnaval o
    Bem, em sábado de carnaval o Rio de Janeiro se vê de front com uma semi-fina de Campeonato Carioca, que reflete bem um dos principais problemas no Estado do Rio.

    Já vi por aí comentaristas dizerem que não torcem contra os times do Rio se referindo a derrota do Flamengo para o Resende. Ora, onde será que fica a Cidade de Resende?

    Li um post no yahoo e achei bastante interessante e resolvi colá-lo aqui para que nós, da Cidade do Rio de Janeiro ou, digamos, Estado da Guanabara reflitamos sobre as nossas relações com o Estado do Rio e o que pensam sobre nós. Pode parecer apenas um torcedor, mas têm ingrediented relevantes referentes à essa relação Capital versus Estado.

    Bem GALERA…

    A gente aqui da Cidade de Resende no RJ, também faz parte do Rio de Janeiro, tem gente comentando aí, que não torce contra time do Rio, o problema é que a cidade do Rio de Janeiro tomou o estado para si, ou seja, tendo duas prefeituras (PMRJ e Governo do Estado) e tem também uma federação de futebol estadual que serve apenas aos times da Cidade do Rio. Tanto é verdade, que semi-final e final são jogadas em apenas um jogo no Maracanã. Qualquer estado que sério, tem dois jogos um em cada casa. É bom lembrar daquela final em 2005 entre Fluminense e Volta Redonda extremamente roubada, em jogo que o Volta Redonda foi muito garfado depois de ter virado em um primeiro jogo no maracanã de 2 a 0 pra 4 a 3 e mesmo assim, o segundo jogo foi no Maracanã também. Que ida e volta é essa só na casa do fluminense?

    Ainda continuo dizendo, o Flamengo perdeu de 3 a 1 não foi de 1 a 0 com um gol em impedimento ou um pênalti mentiroso, ou qualquer coisa desse tipo que costumamos ver no Carioca (que deveria chamar campeonato estadual do Rio de Janeiro).

    Não adianta ficar lamentando, um time saiu de Resende, desacreditado e Goleou o Flamendo com 3 gols, um time que juntamente com os outros 3 grandes comandam a Federação. Isso não é juiz, é incompetência.

    Ficam aí procurando cabelo em ovos. Enquanto for essa vergonha esse campeonato “CARIOCA”, o futebol do estado do Rio nunca vai levantar, estando fadado a ser sempre essa coisa estranha, manca, deficiente física de seus próprios conceitos do velho Estado da Guanabara.

    VIVA A “FESTA DO INTERIOR DO ESTADO DO RIO”

    POR fabiostenio.

  2. Nassif,
    Off topic. Mas
    Nassif,
    Off topic. Mas fiquei decepcionado com o Carlos Eduardo. Inclusive com a sua concepção do que é ombudsman. É meio típico de uma visão empresarial: deve até ter etiqueta pra chão molhado. O caso da nota da redação mereceu apenas um meio parágrafo, ficou minimizado como “pouco cordial”. Tãotá.

  3. Nassif,

    onde temos acesso a
    Nassif,

    onde temos acesso a este referido Show e a algumas interpretações de sambas compostos por vc? Na Comunidade?

    p.s:

    – espero que esteja aproveitando bem o Carnaval em S.P ! hehehe!

    – maldade, mas não posso falar muito. Estou em BH.

    – mas com um detalhe: daqui há pouco estou indo para Ouro Preto, um dos melhores Carnavais do Brasil! Lá onde existe uma mistura perfeita entre a tradição dos blocos de rua da população local(alguns com 150 anos), os blocos dos estudantes das Repúblicas, os turistas brasileiros e de fora, a juventude e os mais velhos, tudo em clima de tradição, sem som elétrico e muita folia democrática na rua, misturando todas classes e raças, mas com muita energia e alegria, sem o mercantilismo de carnavais de outras cidades famosas.

    Gostaria de sugerir um tema neste Domingo: como preservarmos as tradições do Carnaval, que na essência é a não diferenciação entre classse e raças, em função exclusiva da alegria espontânea e do prazer, irrestrito, continuando -se a seguir com a atual estrutura de muitas cidades, que segregam claramente a participação popular em função do lucro privado(ex: Salvador e Rio), tornando-a cada vez mais uma festa mercantilista e artificial.

    Um abraço,

    Já ouviu falar em praga? Passei o primeiro dia no hospital com minha mulher, que quebrou o pé. Detalhe: em casa, não no samba. Quanto à gravação da Verônica, ainda não passei para a Internet. Na Comunidade e no Youtube tem algumas gravações do show do MIS.

  4. Do site Permear rede de
    Do site Permear rede de permacultores
    http://www.permear.org.br/2006/08/31/biodiesel-producao-caseira/

    Biodiesel: produção caseira
    31 Ago 2006 por Jorge Timmermann em Energia.

    Esse é o típico assunto que deixa um permacultor contente. Tecnologias livres que vão na direção de mais sustentabilidade. Nesse caso, maneiras seguras e eficazes de produzir sua própria energia, o biodiesel.

    Essa é uma iniciativa do amigo e parceiro Jorge Timmermann, permacultor e professor de permacultura, que traduziu e editou o presente material. Tenho acompanhado com interesse sua dedicação à pesquisa de geração de energia em pequena escala.

    Tratam-se de duas apresentações em Powerpoint que procuram, de maneira simples e didática, esclarecer a cerca da produção do biodiesel em escala caseira e os seus princípios básicos em química. É para compreender e fazer. Faça bom proveito:

    •Produção do biodiesel – powerpoint (3308Kb) ou zip (2710Kb)
    http://www.permear.org.br/pastas/documentos/biodiesel-producao.pps

    http://www.permear.org.br/pastas/documentos/biodiesel-producao.zip

  5. Nassif,

    o vídeo do
    Nassif,

    o vídeo do “pout-pourri de marchinhas no programa do Boldrin.” não está sendo visualizado/acessado(tela em branco).

    Estou assistindo o programa do Boldim agora na TV Cultura, com Elza Soares, mas gostaria de ver este pout-pourri!

    Um abraço,

  6. Nassif,transfira meus
    Nassif,transfira meus sinceros votos de pronto restabelecimento à dona Renata,e por falar em “praga”você nunca ouviu aquela frase de algum carioca frustrado que disse que “São Paulo era o túmulo do samba”?
    Então,quando você admitiu que iria passar o carnaval em Sampa,chamou contra sí,as pragas de muitos invejosos. Tem praga maior que isto ?

  7. Caro Sancho
    Caro Sancho Brancaleone,

    tens razão, estava a procura de uma definição para ela.

    para mim a sambista está entre as melhores interpretes do país.

    me empolguei com sua perfomace, já não a conhecia.

    abs..

    abs..

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome