Uma dupla do balanço

O ítalo-americano Louis Prima foi criado em New Orleans. Pistonista, cantor, chefe de orquestra, tornou-se um dos maiores balanços do jazz. Surgiu no início dos anos 30. Nos anos 50, formou uma dupla lendária com Keely Smith, cantora belíssima, da linhagem de uma Julie London, da egípcio-francesa Dalida e da nossa Maisa. Seu maior clássico foi a gravação de “Just a Gigolo”.

Veja aqui um Prima mais antigo, interpretando “Lazy River”. Repare no andamento da música e, principalmente, no fecho dela, que David Lee Roth utilizou em seu vídeo fantástico do “Just a Gigolo”.

Aqui uma de suas músicas mais conhecidas, de sabor italiano-com-dixieland, “Oh, Marie”. No fundo, o saxofonista Sam Battera, dos grandes do gênero, que encerra o vídeo com um solo de primeiríssima, em duo com Prima. A cara de desgosto de Keely fazia parte do show.

Aqui uma interpretação de “I’ve Got You Under My Skin”, com o balanço personalíssimo da dupla.

Neste vídeo um solo de Keely.

Just a Gigolo

Encontrei no Youtub várias gravações do clássico “Just a Gigolo”, imortalizado por Louis Prima, mas não a gravação dele. Tentei colocar, mas não foi aceito pelo Youtub.

Vão aí algumas versões famosas.

Os Leningrado Cowboys

O videoclip clássico de David LeeRoth

Lou Bega, um engraçadíssimo cantor, que mistura mambo e samba.

Até a heroína Betty Boop dá o ar da graça.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora