TV GGN: Tudo o que você quer saber sobre a Teoria Monetária Moderna

Autores do livro "Teoria Monetária Moderna - A chave para uma economia a serviço das pessoas" participam de live, ao vivo, a partir das 17h

Jornal GGN – Os autores do livro “Teoria Monetária Moderna – A chave para uma economia a serviço das pessoas” participam de uma live, ao vivo, a partir das 17h, na TV GGN, para explicar o novo paradigma macroeconômico, que eleva o papel do Estado nos recursos financeiros do país e como ator de combate às desigualdades. Acompanhe, logo mais:

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Fernando Hideo e Élida Lauris são os convidados da live das 15h hoje

2 comentários

  1. Caros,
    Ontem postei uma tradução do artigo “O mito do déficit” do Michael Roberts, na minha página do GGN. Roberts, a partir de uma perspectiva marxista, questiona a validade da teoria (e das práticas) da MMT. Acho que seria uma boa publicar agora no blog do Nassif para azeitar a discussão.
    abraço

    • Um dos grandes limites da MMT é o teto das importações, onde é necessária a utilização de moeda não emitida por aquele Estado soberano.
      Ou seja, quanto maior for a diversidade produtiva de determinado país, menor a necessidade de importar e assim, a MMT é mais forte para aquela realidade, pois se pode emitir moeda para adquirir o que se produz e se compra naquela moeda.
      Por isso é fundamental ter uma política industrial forte e investimentos em ciência & tecnologia que capacitem a produção nacional. Um sistema educacional com ênfase nas ciências exatas é uma das bases para isso.
      A emissão monetária direcionada diretamente para o aumento da produção torna ainda mais sustentável a MMT.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome