Um pouco mais do Carlinhos, porque isso ainda não acabou, por Mariana Nassif

Falando em Carlinhos, aquele da Orquestra Mundana Refugi, tive a honra e o prazer de brincar de entrevistar naquela noite de domingo

Carlinhos e a gente, naquela noite de domingo.

Um pouco mais do Carlinhos, porque isso ainda não acabou

por Mariana Nassif

Cometi a ousadia de voltar a escrever. Não escrever pra preencher tempo, mas voltar a escrever mesmo, com o coração na ponta dos dedos, minhas intensas sutilezas e algo que uhun, pode sim beirar o talento. Aproveitar, tirar proveito mesmo, me lambuzar de palavras até adocicar a alma, que se tem uma coisa que eu sei de mim é que, por aqui, a vida escorre – ainda mais quando caminha de volta pro mar.

Estudar a escrita e ler, ler e ler mais um pouquinho porque, como diz o Carlinhos, “eles odeiam poesia”.

Falando em Carlinhos, aquele da Orquestra Mundana Refugi, tive a honra e o prazer de brincar de entrevistar naquela noite de domingo na varanda da Helô e, pega o privilégio, ter o making of registrado pela Maria Capai. Não dá pra não dizer que a vida não é divertida!

Tem mais texto saindo, claro, isso ainda não acabou aqui mas eu, se fosse você, provava este vídeo com a gente cheia de vinho na cuca, axé na alma e amor no peito, com o Carlinhos por perto.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Epidemia de Fake News