Tropicalismo e desenvolvimento se mesclam em nova obra de Rafael Zincone

Imagem: Divulgação 

Jornal GGN –  Trazendo à tona o movimento que sacudiu o cenário musical nos anos 60, o  Tropicalismo, Rafael Zincone apresenta “Aqui é o fim do mundo – Tropicália e desenvolvimento dependente no Brasil”. O livro será lançado no dia 16 de agosto, quarta-feira, no Gabinete de Leitura Guilherme Araújo – antiga casa do primeiro produtor musical de Caetano Veloso e de outros músicos que fizeram parte do coletivo -, em Ipanema, Rio de Janeiro. O encontro começa às 19h.

“Aqui é o fim do mundo” surge a partir do questionamento: até que ponto é possível fazer crítica social por dentro da grande indústria? É em busca de esclarecer essa questão, que o autor se desdobra entre os capítulos históricos acerca do Tropicalismo, destacando as controvérsias políticas do movimento musical e do cenário brasileiro em que se criou.

Na obra o autor ainda dialoga com as visões de Roberto Schwarz, Heloísa Buarque de Hollanda e Carlos Nelson Coutinho. Além de abordar, de maneira geral, tópicos como Economia e cultura, produção cultural e desenvolvimento econômico, estética e indústria, arte e sociedade.

O título do livro é inspirado na música de Torquato Neto cantada por Gilberto Gil, já o subtítulo deixa explícita a preocupação do autor em se pensar a Tropicália –  movimento coordenado por um grupo de músicos baianos e que completa 50 anos em 2017 -, de acordo com a inserção do Brasil no capitalismo e no mundo econômico.  

Gonzalo Aguilar, crítico literário argentino e estudioso da cultura brasileira, fala na  contracapa que “em leituras retrospectivas sobre o Tropicalismo, o componente socioeconômico cedeu frente a uma leitura cultural ansiosa por revelar mecanismos de produção simbólica”, já  Zincone faz uma leitura materialista do Tropicalismo.

“Não esperem respostas definitivas nessa leitura. Segue-se aqui um texto em liberdade. Leia e faça sua escolha”, destacou Maria Malta, professora e Pró-Reitora de Extensão do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

O autor

Rafael Zincone é graduado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e mestre em Comunicação Social pelo programa Mídia e Cotidiano (PPGMC), da Universidade Federal Fluminense (UFF). Zincone também pesquisou história do pensamento econômico brasileiro no Instituto de Economia da UFRJ e atualmente colabora com o Grupo de Estudos sobre Comunicação Cultura e Sociedade (GRECOS) da UFF.

Serviço

Lançamento do livro “Aqui é o fim do mundo – Tropicália e desenvolvimento dependente no Brasil”, de Rafael Zincone

Local: Gabinete de Leitura Guilherme Araújo

Endereço: R. Redentor, 157 – Ipanema, Rio de Janeiro – RJ, 22421-030

Quando: quarta-feira, 16 de agosto, às 19h

 

trop.jpg

Sobre o Livro

Título: Aqui é o fim do mundo – Tropicália e desenvolvimento dependente no Brasil

Autor: Rafael Zincone

Páginas: 114

Formato: 16×23

Editora: GZ

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora