Pedidos de recuperações judiciais abrem o ano em alta

Jornal GGN – O número de recuperações judiciais requeridas durante o mês de janeiro subiram 29,7% na comparação com o mesmo mês do ano passado, segundo levantamento elaborado pela consultoria Serasa Experian.

Ao longo do período, o número de pedidos de recuperação judicial atingiu 96 ocorrências. Na comparação com janeiro de 2015 (74 pedidos), esse número foi 29,7% superior. Entre os 96 requerimentos de recuperação judicial realizados em janeiro/16, 51 foram de micro e pequenas empresas, 23 de médias empresas e 22 de grandes companhias.

Já o número de falências contabilizadas no período atingiu 101 ocorrências, o que corresponde a uma redução de 10,6% em relação a janeiro de 2015, quando 113 requerimentos foram registrados.

As micro e pequenas empresas lideraram também este ranking. Das 101 falências requeridas em janeiro de 2016, 56 foram de micro e pequenas empresas, 25 foram de empresas médias e 20 de grandes empresas.

De acordo com os economistas da consultoria, “os juros altos e o aprofundamento da recessão econômica, iniciada em meados de 2014, estão afetando a capacidade financeira das empresas brasileiras, favorecendo o aumento de pedidos de recuperações judiciais”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome