Agenda 21 de Tanguá prioriza professores

Blog da Petrobras


 




A capacitação dos professores da rede municipal nas áreas de desenvolvimento econômico, igualdade social e preservação ambiental é uma das principais ações da Agenda 21 de Tanguá, lançada nesta segunda-feira (21/02), no Rio de Janeiro.


O município, assim como as demais cidades do entorno do Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), integra a iniciativa de responsabilidade socioambiental da Petrobras. A Companhia conta com a parceria do Ministério do Meio Ambiente e da Secretaria de Estado do Ambiente do Rio de Janeiro para dar andamento ao projeto. A Agenda colabora para estruturar modelos sustentáveis de desenvolvimento nas localidades envolvidas.


“A capacitação para os educadores está prevista para fevereiro. Já o plantio de mudas nativas de mata atlântica no Bosque da Juventude por estudantes e líderes comunitários, outra ação de extrema relevância para a população, começa em abril”, antecipa o pastor José Barreto, coordenador do Fórum da Agenda 21 de Tanguá.


As ações concretas previstas pela Agenda devem ser empreendidas pela sociedade civil e pelos governos locais, regionais e federal. O plano é elaborado mediante a mobilização de todos os setores da sociedade em torno de um diagnóstico do município e de um planejamento do futuro com foco no desenvolvimento sustentável.


“O real significado da Agenda 21 é a participação da população no contexto social e político. Um verdadeiro exercício de cidadania”, reforça Ricardo Frosini, representante da Petrobras e coordenador da implantação de Agendas 21 Locais. O projeto participativo engloba 16 áreas, como cultura, educação, habitação, meio ambiente, saneamento, saúde, segurança e transporte.


“A busca do desenvolvimento econômico de Tanguá é uma das bases da Agenda 21 do município, mas nosso esforço só valerá a pena se nossas ações estiverem lado a lado com a justiça social e com o equilíbrio ambiental”, diz o prefeito Carlos Pereira.


Até junho deste ano, Cachoeiras de Macacu, Guapimirim, Itaboraí, Magé, Maricá, Niterói, Nova Friburgo, Rio Bonito, São Gonçalo, Saquarema e Silva Jardim terão suas Agendas 21 Locais lançadas. O lançamento da primeira Agenda, a de Teresópolis, ocorreu em dezembro do ano passado e a de Casimiro de Abreu, na última semana

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora