Ala desenvolvimentista abre fogo contra Paulo Guedes

Ministro da Economia é chamado de ‘idiota’ e ‘primário’ nos bastidores, enquanto Guedes fala em brecar aumento de gastos em obras federais

Foto: Reprodução

Jornal GGN – As brigas nos bastidores do governo Jair Bolsonaro se intensificaram após o recente pronunciamento do ministro da Economia, Paulo Guedes, declarou que os conselhos para furar o teto de gastos estão levando o presidente para uma “zona de impeachment”.

Em entrevista à jornalista Monica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo, um auxiliar do presidente que defende o avanço das obras federais para enfrentar a crise chamou Guedes de “o maior fura-teto” do governo.

Adjetivos como “idiota”, “bobo político” e “primário” também foram usados contra o ministro da Economia, que estaria se limitando a repetir palavras sem sentido prático.

Ao manter esse posicionamento contra o aumento de gastos, Guedes estaria fazendo Bolsonaro e o país vivenciarem uma narrativa falsa, uma vez que a crise por si só aumentou o déficit fiscal e explodiu o teto – assim, a ala desenvolvimentista acredita que o acréscimo de programas sociais e obras nas ações emergenciais não mudaria a situação fiscal de forma considerável, mas ajudaria o país a se recuperar e a popularidade de Bolsonaro (que já é candidato à reeleição presidencial) seria alavancada.

 

Leia Também
Após debandada, Bolsonaro defende privatizações e responsabilidade fiscal
Gabinete de Jair Bolsonaro gerou dinheiro para “rachadinha” de Queiroz
Programa econômico de Bolsonaro “era irreal e desmoronou”, diz Miriam Leitão

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Após afirmar seu desejo de entrar para política, 04 se reúne com Republicanos

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome