Bolsonaro comemora PIB da construção civil após devassa da Lava Jato

"Com juro menor, PIB da construção civil tem maior nível desde 2013, crescendo 1,6%, depois de anos de desaceleração; melhora no setor é indicativo de emprego em 2020"

Jornal GGN – Um dia depois de colocar um humorista para lidar com jornalistas que aguardavam um pronunciamento sobre o PIB de 1,1%, Jair Bolsonaro foi às redes sociais para celebrar o único ângulo interessante que encontrou nos resultados da economia durante seu primeiro ano de mandato: o PIB da construção civil.

“Com juro menor, PIB da construção civil tem maior nível desde 2013, crescendo 1,6%, depois de anos de desaceleração; melhora no setor é indicativo de emprego em 2020”, comentou. Ele não escreveu nada a respeito do “pibinho” de 1,1%, menor que o desempenho do governo Temer.

O presidente lembrou que a construção civil é o “maior gerador de emprego” do Brasil e “obteve melhor desempenho após 5 anos consecutivos de queda.” O período corresponde ao impacto da operação Lava Jato sobre as grandes empreiteiras, após as investigações envolvendo a Petrobras.

“Nos últimos anos, diversas obras públicas foram paralisadas diante da desaceleração, do rombo fiscal e, por conta dos escândalos de corrupção envolvendo as principais empreiteiras do país ligadas ao PT e um dos maiores escândalos de corrupção do mundo”, anotou Bolsonaro.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Com Moro ao lado, podemos estar diante da confissão de que foi tudo planejado para beneficiar construtores amigos e milicianos da construção

    falar nisso, já estão escolhendo outras áreas de preservação e as não edificantes

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome