Butantan anunciará eficácia geral da CoronaVac nesta terça-feira

A informação foi confirmada nesta manhã pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e pelo secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn

Foto: Divulgação

Jornal GGN – O Instituto Butantan deve anunciar nesta terça-feira, 12 de janeiro, o dado de eficácia geral da CoronaVac, vacina contra a covid-19 desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac. A informação foi confirmada nesta manhã pelo governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e pelo secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn.

Na última sexta-feira, o Butantan pediu à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a concessão de uso emergencial da CoronaVac. Mas, no dia seguinte, o órgão cobrou novas informações sobre o imunizante, por exemplo, os dados da fase 3 dos testes clínicos com a taxa de eficácia geral. 

“O Butantan realizará amanhã [terça-feira] mais uma apresentação específica sobre a vacina, com dados complementares, às 12h45. Dimas [Covas, presidente do Instituto Butantan] e outros cientistas vão discorrer sobre esse assunto. É tema da ciência, não da política”, disse Doria em entrevista à Rádio CBN.

Já o secretário estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn, afirmou à GloboNews que “esses dados que chamamos de eficácia global estão em posse do Butantan e da Anvisa, e dessa maneira saberemos todos amanhã essas informações que são de fundamental importância para que possamos inserir nas propostas da campanha (de vacinação), trazendo à tona essa qualidade de informações”. 

Ontem, o instituto informou que começou a enviar os documentos pendentes à Anvisa, que deve anunciar se irá conceder ou não a autorização sobre o uso do imunizante até a próxima semana.

Segundo dados secundários da vacina, divulgados nos últimos dias, a CoronaVac tem eficácia de 100% na prevenção de casos graves e moderados de covid-19 e de 78% na prevenção de casos graves e moderados. 

Mas, a taxa de eficácia geral da vacina é calculada a partir da comparação de quantas pessoas ficaram doentes entre os grupos de vacinados e daqueles que apenas receberam o placebo.

Hoje, a Indonésia autorizou o uso emergencial da CoronaVac e anunciou que a eficácia geral do imunizante, em resultado preliminar, é 65,3%. Os testes de fase 3, conduzidos no país,  contou com 1.620 voluntários. 

Com informações do Uol. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Manchetes dos jornais da Europa

1 comentário

  1. Nassif: só não sei se é burrice nata ou se esse pessoal da CasaDasCobras tão tirando uma com nossa cara. Pô, sabem que Cavalão e sua trupe da Saúde ja escarraram essa vacina dos chinas; sabem que o pessoal de Brasilia e dos Khuarteis e$tão azeitado$ com os gringo$; sabem até da arenga do seu patrão com aqueles que brincam de governar Pindorama. Mesmo assim mandam um relatório, tido por “fundamental”, faltando a parte principal. Tá brincando… Ou é também estratégia matreira, tipo dos milicos prá cima dos 91 milhões de eleitores que lhes negaram voto, ou uma mostra do que se teria, botando esse pessoal pra residir no KhuartelAlvorada, em 2022. Talvez, ambas…

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome