Camarotti afirma em seu blog que petistas cogitam Lula como ministro

Parece que a ideia que eu lancei, depois de uma conversa com o meu irmão, Adriano Argolo, também advogado, sobre o assunto, reverberou entre os petistas.

De acordo com o jornalista Gerson Camarotti, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

Leia abaixo a íntegra do post, feito ontem, 06/08/2015, às 22: 55 hs:

Quinta-feira, 06/08/2015, às 22:55, por Gerson Camarotti

Para estancar crise política, petistas cogitam Lula como ministro

Com o agravamento da crise política, passou a ser avaliada no Palácio do Planalto a possibilidade de nomeação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para um cargo de ministro do governo Dilma Rousseff.

Essa tese já é defendida por alguns interlocutores de Dilma e do próprio Lula. O temor é que isso teria um efeito colateral: Dilma teria o seu poder presidencial completamente esvaziado.

Mas, para petistas, isso poderia garantir a governabilidade mínima para os próximos anos, por causa da capacidade de articulação política do ex-presidente. Ele tem mais trânsito com o Congresso e poderia fazer uma blindagem do governo.

Nesse cenário, os dois cargos considerados mais apropriados para Lula, avaliam petistas, são os ministérios das Relações Exteriores e o da Defesa. Isso porque comandam carreiras de Estado que seriam mais apropriadas para um ex-presidente.

Caso passe a integrar o primeiro escalão, Lula também ganhará foro privilegiado – alguns petistas temem que o ex-presidente vire alvo da investigação da Operação Lava Jato.

Fonte: http://g1.globo.com/politica/blog/blog-do-camarotti/1.html

Pois é, eu cantei a bola antes. Vai ser isso o que vai acontecer e vai ser isso que mudará a crise política que atinge gravemente o país. Agora, o que dizem os críticos da ideia de Lula ministro? Quem sabe ainda reconhecem o erro, humildemente, a passam a ouvir os outros. Política é muito mais do que ficar se pautando pela imprensa que tanto criticam. Tem que pensar fora da caixa.

3 comentários

  1. Há tempo de nos posicionarmos

    Há tempo de nos posicionarmos  e há também o de nos reposicionarmos, se isso for necessário. 

    Quando da exposição da ideia em foco no post anterior a este pelo articulista, prontamente me declarei contrário. Minha avaliação se ancorava principalmente na eventualidade do gesto de Dilma em nomear Lula ser apreendido pela opinião pública como uma simples “jogada” para fazê-lo infenso às investidas do Juízo sob a responsabilidade do Dr. Moro o que denotaria alguma “culpa no cartório”. Adicionalmente, o risco da imensa dimensão política de Lula ofuscar o que já está bastante ofuscada: a própria autoridade e capacidade de liderar da presidente Dilma. 

    Entretanto, sopesando melhor o que está em jogo, que é a própria sobrevivência do governo atual, acho que vale a pena arriscar. Certamente pelo prestígio que tem junto à classe política, mais especificamente na base aliada no Congresso; a confiança e até veneração de parte da população; e pessoalmente suas reconhecidas habilidades de negociador, é bem provável que revigore, dê mais ânimo à gestão Dilma Roussef. Isso internamente. 

    Na área externa, desnecessário realçar que só ganhos teríamos dada o demonstrável prestígio de Lula no cenário internacional. 

    O que interessa nisso tudo é o país emergir desse oceano de problemas e impasses e respirar um pouco. 

    Assim, resta parabenizar o Alexandre Argolo pela primazia da sugestão e sua possível implementação o que dependerá em último caso da vontade e conveniência dos envolvidos. 

  2. Parabéns Argolo!
    E acredito

    Parabéns Argolo!

    E acredito que sim! verdadeiramente a idéia surgiu do seu Post.

    Teve um tal de Matheus domingues ,no seu post que aventou a Idéia de Lula,Chanceler.

    Parabéns,bela contribuição surgida logo de você! rsrs….

  3. Só complemetando.conforme o

    Só complemetando.conforme o Post do gerson,lá vem o tal temor! foi graças a esse temor e se deixar pautar,pela mídia que o governo Dilma desgringolou! quem não se lembra da frase imbecil: “de que quem ia governar era o Lula,se a Dilma ganhasse”.Oras ninguem sabia quem era a Dilma obviamente o povo votou pensando no Lula.

    Taí quiz ouvir a voz da midía se lascou.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome