Contrariando Moro, maioria do STF é a favor de juiz de garantias

Jornal GGN – Ao menos seis ministros do Supremo Tribunal Federal já se posicionaram a favor da figura do juiz de garantias, criada a partir do pacote anticrime sancionado por Jair Bolsonaro, em oposição à opinião de Sergio Moro.

O ex-juiz da Lava Jato acha a proposta inviável do ponto de vista prática, mas quatro ministros da Suprema Corte afirmaram publicamente que a medida é um ganho para o sistema judicial do País.

O presidente do STF, Dias Toffoli, disse que se tratava de um “avanço civilizatório” no combate à criminalidade. Alexandre de Moraes, Marco Aurélio Mello e Celso de Mello também já se manifestaram, ao falar com a imprensa, a favor da nova lei, destacou O Globo.

“Outros dois ministros ouvidos em caráter reservado” pelo jornal “fizeram coro à opinião dos colegas.”

Toffoli, que está no plantão do Judiciário, pode apreciar três ações questionando a legalidade da lei que criou o juiz de garantias. A tendência é que ele negue liminares para suspender a norma.

“No entanto, a segunda parte do plantão na Corte será conduzida pelo ministro Luiz Fux — que, por sua vez, já declarou a interlocutores ser contrário à norma do juiz de garantias. Para ele, o Judiciário não teria estrutura para instituir a novidade.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Bolsonaro quis alterar a bula da cloroquina, revela Mandetta

1 comentário

  1. Nassif: o Çupremu tá brincando com fogo? Quem pensa que são esses ministrecos? Até parece que não rezam antes de dormir. Não se tocam que o meliante TogaSuja tem respaldo de toda bandapodre da sociedade Tupiniquim (são uns 20 milhões), os do Jardim Botânico, os da TVSalomão (com bênçãos de CaifásDoBras), os da TVBau e outros da chamada grande mídia. Sem falar dos VerdeSauvas, cujas baionetas estão aos seus serviços. E, como já lhe disse, a bala tem sempre razão. Se continuarem assim, contrariando o enviado do Messias, correm o risco de ficar com a boca cheia de formiga, numa quebrada de Brasilia. Avise os caras…

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome