Coronavírus:  as semelhanças de Bolsonaro e Trump na pandemia

Presidentes do Brasil e dos Estados Unidos apresentam comportamento marcado pelo negacionismo e pelo foco na base de apoiadores

Foto: Alan Santos / PR

Jornal GGN – Brasil e Estados Unidos têm apresentado os resultados mais expressivos em termos de contaminação e óbitos pela Covid-19, e os presidentes Jair Bolsonaro e Donald Trump estão mais preocupados em atingir suas bases do que em adotar estratégias que venham a combater a doença.

Os dois mandatários têm se comportado de forma semelhante: pressão constante pela retomada da economia, menosprezo pela doença, resistência ao uso da máscara e a recusa de coordenar esforços nacionais e suprapartidários para agir contra o coronavírus.

Segundo analistas consultados pelo jornal O Globo, Bolsonaro e Trump não só mostram uma descrença clara pela ciência, como procuram direcionar suas ações às suas bases, que incluem adeptos de visões com pouco respaldo na realidade. Soma-se ao caso brasileiro o alinhamento quase irrestrito aos Estados Unidos, o que também rende pontos a Bolsonaro junto aos seus apoiadores.

E foram justamente os apoiadores que se tornaram o foco dos governos do Brasil e dos Estados Unidos, em detrimento das ações necessárias para o combate à doença. E enquanto o Brasil seguia o que o governo Trump pregava, o presidente norte-americano chegou a apontar o Brasil de Bolsonaro como um “mau exemplo” na pandemia.

 

Leia Também
GGN Covid: novos casos estabilizam na alta e óbitos continuam em ascensão
GGN Covid: últimos dados mostram explosão dos novos casos nos EUA
Subprocurador do TCU cita O Sensacionalista e pretende autuar Donald Trump
A influência dos EUA na Lava Jato: 5 vídeos para entender o assunto
Bolsonaro e o regresso de seu alien predileto, por Fabio de Oliveira Ribeiro

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome