Covid-19: Em SP, ocupação de UTI em hospitais privados aumentou cerca de 30% em duas semanas

No país, a taxa de ocupação por pacientes diagnosticados com a doença é de 74,7%, quatro pontos percentuais a mais, em relação ao mês anterio

Foto: Reuters/Amanda Perobelli

Jornal GGN – A taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) por vítimas da Covid-19 saltou de 55% para 84% em hospitais privados de São Paulo, nas duas últimas semanas, informou a Folha de S. Paulo desta terça-feira, 1º de dezembro.

De acordo com um levantamento do Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo (SindHosp), 76 instituições também afirmaram que há um aumento nas internações em geral pelo vírus. A unidades relataram que entre 16 e 19 de novembro esse índice chegou a 44,5%, já de 23 e 26 de novembro foram 79%. 

Já um estudo da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp), apontou que a taxa de ocupação de leitos destinados a pacientes com Covid-19 em 11 hospitais da capital foi  83,2% entre 20 a 27 de novembro.

No país, a taxa de ocupação por pacientes diagnosticados com a doença é de 74,7%, quatro pontos percentuais a mais em relação ao mês anterior.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Uma saída de mercado: a nacionalização da Ford em ressarcimento dos subsídios recebidos

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome