Dallagnol processa União para ser indenizado por Gilmar Mendes

Procurador acusa Gilmar de ofender sua honra. O ministro do STF já chamou a turma da Lava Jato de quadrilha, cretinos, covardes, entre outros termos

Jornal GGN – O procurador da República e coordenador da força-tarefa da Lava Jato, Deltan Dallagnol, decidiu processar a União para ser indenizado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes. A ação, revelada pelo Estadão, cobra R$ 59 mil por danos morais, em virtude de críticas do magistrado à turma de Curitiba.

Dallagnol decidiu colocar a União como ré por estratégia jurídica. É que como agente público, Gilmar não tem responsabilidade civil direta por ilícitos. O procurador espera que a União seja condenada a indenizá-lo e, depois cobre o valor do ministro do STF, um dos mais ferrenhos críticos da Lava Jato.

Gilmar já afirmou que a força-tarefa da Lava Jato seria uma organização criminosa, formada por “gente muito baixa, muito desqualificada”, “falsos heróis”, agentes que “combatem crime cometendo crime”.

O ministro também já chamou os procuradores de “cretinos”, “gentalhada”, “covardes”, “gângster”, “organização criminosa”, “voluptuosos”, “voluntaristas”, “espúrios”, “patifaria” e “vendilhões do templo”, lembrou o Estadão.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  O FBI no núcleo da Lava Jato e a guerra híbrida, por Roberto Bueno

12 comentários

  1. Embora tardiamente tudo o que o Ministro Gilmar afirmou é a pura verdade, em vez de processar a união para ganhar mais dinheiro, Deltan Dallagnol deveria estar preso pelos prejuízos que causou ao país.

    14
    1
  2. Nassif: tô torcendo que seja verdade. O CarrascoDeDiamantino, pelo que se diz, vai fritá-lo em óleofrio, só pra mudar a modalidade de preparo de carnepodre. O GogoboyAvidado, chefe da “Tarefa”, correndo as coisas sem os acordinhos de bastidores, vai saber o peso do tacão matogrossense. O Morcegão cheou a prová-lo. Alias, uma “ExcessãoDaVerdade” cairia de bom tamanho. E aprovitando, expondo todo “grupo” (“grupo” é efeumismos), tintim-por-tintim… Acho que sobra até pro TogaSuja.

  3. Porque os Jatoeiros supostamente combatiam a corrupção?

    Ora, para afastar eventuais concorrentes. Eram bandidos investigando e denunciando supostos bandidos.

  4. Ele, o promoter do Power Point, é quem deveria indenizar o Brasil.
    Milhões de desempregados têm todo direito de processar quem fez parte da vaza jato.

  5. Só falta levarem ao limita a tática de ataques diretos com uso de palavras venenosas…
    geralmente quem mais perde é o que tinha o antídoto e não aplicou de imediato, porque justiça que se faz com uso de palavras símbolos não impede crime nem corrige criminoso, só incentiva e fortalece

  6. em tempo…
    e já que usam tanto as palavras símbolos:

    quem deu uma de plantão para impedir a nomeação legal, presidencial, de Lula, tem mais é que passar a ser visto como plantinha mesmo

  7. Dalanhol processando o Gilmar é o rabo balançando o cachorro.
    Cinismo e safadeza sempre foram as grandes dádivas do procuradorinho.

  8. gilmar mendes pegou leve com aquela quadrilha…
    Mas o dd querer uma grana fácil não é nenhuma novidade né?

  9. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome