Depoimento de Pazuello é encerrado e retoma amanhã, senadores devem pedir acareação

"As contradições são tantas, são tantas, tantas que me parece que não será suficiente somente uma acareação, talvez mais de uma", disse vice-presidente da CPI, Randolfe Rodrigues

Foto: Reprodução

Jornal GGN – O depoimento do ex-ministro Eduardo Pazuello foi suspenso na CPI da Covid no Senado, nesta quarta (19), e será retomado amanhã (20). Senadores analisam fazer acareações, alegando mentiras de Pazuello na sessão de hoje: “Ele chegou ao cúmulo de negar declarações públicas dele mesmo e do presidente da República”, disse Renan Calheiros (MDB-AL).

De acordo com informações divulgadas pelo relator da Comissão, Renan Calheiros, e o vice-presidente da CPI, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), o depoimento do ex-ministro apresenta muitas divergências e poderão ser necessárias mais de uma acareação para confrontar as diferentes versões.

Questionados por jornalistas, durante a suspensão da sessão, Calheiros e Randolfe afirmaram que Pazuello não poderia sair da CPI preso por portar um Habeas Corpus do Supremo Tribunal Federal (STF), que o protege judicialmente.

Contudo, a oposição se mostrou irritada com a diferença de versões apresentadas pelo ex-ministro, assim como “omissões”, “tergiversar” e “mentiras”.

“Hoje, nós temos tendo a reiteração desse fato lamentável [mentiras] e desta vez por um ex-ministro da Saúde, a quem couberam as decisões no enfrentamento à pandemia. Nós estamos investigando esses bastidores todos”, afirmou Renan, completando que irá sugerir a contratação de uma agência que faz checagem de fatos ao vivo, enquanto os depoimentos são prestados.

“Neste caso, as contradições são tantas, são tantas, tantas que me parece que vamos ter que acabar de concluir que não será suficiente somente uma acareação, no caso dele, talvez mais de uma”, acrescentou Randolfe.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome