Exclusivo GGN Covid Brasil: média de novos cai cai para perto de 700 dia

A média diária semanal de novos casos de Covid-19 cai para perto de 700 e a média diária semanal de novos casos continua caindo.

Ainda há estados com repique na média diária de óbitos. Mas no gráfico da média diária dos 5 estados com aumento novos casos, apenas Goiás registra alta, de 9%. Os demais registram quedas menores.

No mapa de novos casos, em 14 dias, apenas Goiás registra alta, de 9%, mesmo assim em uma faixa que permite classificá-lo como estável. No quadro geral, houve 6 estados com comportamento estável, 11 com queda moderada e 10 com queda drástica.

Em relação aos óbitos, o quadro ainda mostra repiques de notificações, com 4 estados registrando alto crescimento – Acre, Pará, Roraima e Ceará -, 10 estáveis, 8 em queda moderada e 4 em queda drástica.

Analisando os 4 estados que tiverem repiques de morte – Acre, Roraima, Pará e Ceará -, percebe-se a curva de novos casos em queda.

No quadro das 10 maiores incidências por 100.000 habitantes, São Paulo tem 4 Regiões – Assos (2o), Centro-Oeste do DRS III (3o), Tupã (7o), Mananciais (8o). Minas Gerais tem 3 – Taiobeiras (4o), Divinópolis (6o), Resplendor (10%).

Finalmente, no quadro da divisão da população do país por faixas de aumento do Covid, continua caindo a proporção nas faixas mais altos – acima de 50%, e entre 25% e 50% em 28 dias.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Robinho e o preconceito contra o feminismo

1 comentário

  1. Enquanto isso, no outro país dos dois que bozo bata continência de quatro:
    https://g1.globo.com/mundo/blog/sandra-cohen/post/2020/09/14/israel-de-volta-ao-confinamento.ghtml

    E aqui, no RJ, um prefeito sobre graves suspeições, em cumplicidade com o flamengo — que age sob ordem de bozo em troca de algumas benesses (vide patrocínio assinado pós retorno do campeonato carioca) — cogita retorno de publico aos jogos de futebol no dia 4/10 em jogo do…. flamengo.

    Aliás, menção ao (des)prefeito incentivador do fundamentalismo (nao quer dizer q seja um pois parece esperto) e às pseudo religiões (meras franquias na realidade), trás a tona o comportamento fraudulento do despresidente em relacao a economia, haja vista que em nome desta economia, suas ações se resumem a cortes criminosos na saúde, educação e meio ambiente e programas verdadeiramentes sociais.
    Ou este comportamento não é fraudulento?
    https://www.jb.com.br/pais/informe_jb/2020/09/1025619-mais-uma-decisao-indecisa-do-presidente–bolsonaro-veta-perdao-de-dividas-de-igrejas–mas-com-medo-dos-pastores-diz-que-vetaria-o-proprio-veto.html

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome