Faz 8 dias que Moro silencia sobre decisão do STF no caso Coaf

Até agora, Moro não se pronunciou sobre recurso de Flávio Bolsonaro acolhido por Toffoli. Intercept revelou que Dallagnol sugeriu que o filho do presidente seria blindado, de alguma forma, pelo ex-juiz da Lava Jato

Jornal GGN – De volta ao trabalho na segunda (22/7), depois de uma semana de licença, nos EUA, resolvendo “assuntos particulares”, o ministro da Justiça Sergio Moro ainda não se manifestou sobre a recente decisão do Supremo Tribunal Federal que impede que dados do Coaf sejam utilizados em investigações sem prévia autorização judicial.

A decisão do ministro Dias Toffoli, tomada no dia 16 de julho, no âmbito de um recurso movido pela defesa de Flávio Bolsonaro, tem sido criticada por alguns setores do Ministério Público, que alegam prejuízo a inúmeros processos.

Flávio vem sendo alvo de investigação no Ministério Público do Rio de Janeiro porque o Coaf detectou movimentações financeiras atípicas de seu ex-braço direito no antigo gabinete de deputado estadual, Fabrício Queiroz. Ao longo de anos, ele movimentou milhões de reais sem ter patrimônio nem renda compatíveis.

No último final de semana, o Intercept revelou que o procurador Deltan Dallagnol, da Lava Jato em Curitiba, conversou com colegas de MP sobre Flávio ter algum tipo de blindagem com Jair Bolsonaro na Presidência.

Para eles, não havia dúvidas de que o hoje senador tinha alguma participação ou era beneficiado pelo esquema de corrupção em seu gabinete. Dallagnol ainda sugeriu que Moro protegeria Flávio das investigações.

Leia mais: Deltan sugeriu que Moro protegeria Flávio Bolsonaro

Em sua defesa, Toffoli afirmou que a decisão de fiscalizar o uso do Coaf por autoridades de persecução penal é uma proteção a “todos os cidadãos”, porque as instituições não podem ser utilizadas à revelia do Judiciário, para vinganças ou fins políticos.

Leia também:  #Lulalivre, é a esperança contra o Caos, por Arnobio Rocha

Desde que tomou posse como ministro, Moro fez questão de buscar o Coaf para sua Pasta, mas acabou derrotado pelo Congresso, que fixou o órgão no Ministério da Economia.

O GGN reserva este espaço para que o ministro Moro, caso queira, se manifeste.

A contagem de dias em silêncio é feita a partir do dia em que Toffoli tomou sua decisão, 16 de julho.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Moro é uma pobre criatura iludida, de que alguém com pouca formação da vida pública nacional e com intelectualidade mediana, poderia prosperar por muito tempo cometendo malfeitos. Foi chamado pelo governo atual para serventia de escudo das impropriedades legais da família presidencial, em troca da toga já tão aviltada do STF. Mesmo antes da vazajato, já se mostrava pequeno, ainda para esta elite besta que temos no país. Com a vazajato, vai ruindo a imagem feita por capas de jornais e revistas decadentes, emissoras suspeitas, políticos comprometidos e jornalistas descriteriosos. Não demora a se tornar uma lepra a afastar até e principalmente os hipócritas que o usaram como ferramenta para o golpe a nação.

Lúcio Vieira

17 comentários

  1. Não esperem pudor, respeito as instituições ou escrúpulos desse ora ministro. Não se pode pedir ou dar, de quem não têm caráter ou estatura moral. Lamentável o que virou esse país…Governado por falsos moralistas, cheios de vaidade pessoal, cobiça e ganância desmedida…..

    17
  2. Deveria ter vergonha, está tudo as claras, mas prefere ficar calado, não tem argumento para o que fez, infelizmente este poder judiciário e leniente com este juiz, se bem que não deve ser chamado de juiz, agiu na obscuridade do facismo, se tivesse um pouco de caráter, já deveria pedir demissão.

    16
    1
    • o PODER JUDICIÁRIO NÃO É LENIENTE COM O “JUIZ”.
      O PODER JUDICIÁRIO É O GOLPE.
      AGORA, UM BLINDARÁ O OUTRO ATÉ QUE TUDO CAIA NO ESQUECIMENTO COM A AJUDA PROVIDENCIAL DA SÓCIA MAJORITÁRIA DO GOLPE, A REDE GLOBO.
      AH, E O LULA MORTO NA PRISÃO.

  3. Sugiro colocar um contador tipo, estamos há cx dias com um ministro da justiça que não de manifesta sobre a suspeita de que está se omitindo na investigação do filho do seu chefe

    16
  4. Uma família de grileiros em Mato Grosso na acusação, um juizeco inculto, omisso e portanto cúmplice, uma imprensa capitaneada pela globo e porta voz do grande capital. Parece pouco mas destruíram tudo como gafanhotos.

    14
  5. Moro é uma pobre criatura iludida, de que alguém com pouca formação da vida pública nacional e com intelectualidade mediana, poderia prosperar por muito tempo cometendo malfeitos. Foi chamado pelo governo atual para serventia de escudo das impropriedades legais da família presidencial, em troca da toga já tão aviltada do STF. Mesmo antes da vazajato, já se mostrava pequeno, ainda para esta elite besta que temos no país. Com a vazajato, vai ruindo a imagem feita por capas de jornais e revistas decadentes, emissoras suspeitas, políticos comprometidos e jornalistas descriteriosos. Não demora a se tornar uma lepra a afastar até e principalmente os hipócritas que o usaram como ferramenta para o golpe a nação.

    13
  6. Perdes tempo e espaço mas acho correto o quê fazes. NÃO vai responder ou vai dizer a ladainha de sempre bla bla bla. Mas deve tentar alguma reação ao intercept depois que foi buscar ajuda com os patrões. É esperar pra ver.

  7. Moro não, mas Bolsonaro já se manifestou e absolveu Flavinho. Disse que depois Queiroz aparece e explica o resto. Tudo limpinho e cheiroso.

    10
  8. Cortaram a língua do $érgio Moro ou ele está embuchado.
    Dá um murro nas costas dele e ele desembuchará. Se não, dá farinha seca prá esse caipira que o osso atravessado na garganta desce e vai ficar atravessado na cloaca.

    Não tá mais aqui quem falou, tá Excelência! Estou em outro lugar, calculando o seno, cosseno e tangente dos seguintes ângulos: 9, 15, 18 27, 30, 36, 45, 54, 60, 63, 72, 75 e 81. É muito menos difícil do que se supõe.

  9. Mas o Barroso já se manifestou sobre o jantar oferecido ao $érgio Moro e ao Dallagnol: não teve nada de secreto, nada obstante a máxima discrição.

    Amante Profissional
    (Biquini Cavadão e Kid Abelha e os Abóboras Selvagens)

    Alô?
    Alô, quem é que tá falando?
    É o amante profissional
    Como é que você é, hein?

    Moreno alto, bonito e sensual
    Talvez eu seja a solução do seu problema
    Carinhoso, bom nível social
    Inteligente e à disposição
    Para um RELACIONAMENTO íntimo e DISCRETO
    Realize seu sonho sexual
    Pra qualquer tipo de transação

    Sem compromisso emocional, só financeiro
    E o ENDEREÇO prá COMUNICAÇÃO
    Pra caixa postal do amante profissional
    Amor sem preconceito
    Sigilo total, sexo total
    Amante profissional

    06:39:57 Moro – Está confirmado o jantar no Barroso?
    10:04:51 Deltan – Ele acabou de confirmar. Estou adiantando meu voo porque terça estarei na comissão especial. Boa reunião amanhã c eles!!
    12:29:19 Moro – Obrigado. Preciso do ENDEREÇO e horário do jantar
    13:48:37 Deltan – Não tenho ainda tb… passo assim que ele indicar…
    13:48:54 Deltan – Lembrando que ele é carioca… talvez tenha convidado e não passe o endereço mesmo kkkk
    16:38:29 Moro – Boa

  10. Fake Brasil!
    É isso que viramos!
    Empresas fechando, dívidas, menos recursos…
    Tudo resolvido na base da urgência!
    Se os caminhoneiros se mobilizassem se ferrariam!
    E a esperança lá no alto…
    Más notícias na grande mídia nem pensar!
    O tudo vai melhorar, vai completar mais um ano…
    Um Brasil Fake onde a única real é você tomando ferro!!!

  11. É, infelizmente Tim Maia tinha razão, o Brasil não pode dar certo, porque, aqui as prostitutas se apaixonam; o cafetão é um cara ciumento; o traficante se vicia e os pobres votam na direita.
    E ainda, a mídia comprada trabalha em favor ao governo fascista.

  12. A decisão do Presidente do STF deu-se justamente no período do afastamento (férias? não pode ser. Ele ainda não completou um ano no cargo) do tal ministro da justiça. Será mera coincidência?

  13. As pérolas de nossa imprensa não poderiam deixar de ter a participação da bruxa televisiva Eliane Cantanhede. Em seu podcast do Estadão , ela gastou um bom tempo desfiando ilações sobre o apelido “Vermelho” do tal hacker, e inclusive colocou mais suspeitas pois os hackers eram de Ribeirão Preto ( segundo ela terra de Palloci) e de Araraquara ( terra de Edinho Silva) concluindo que as cidades são foco do petismo, e que portanto não se pode descartar a ligação do PT com os Hackers. Na mesma edição ACM neto vem a ṕúblico anunciar que o tal Hacker ( filiado ao DEM) acaba de ser expulso, diante da gravidade dos seus autos. Em outras palavras Cantanhede, tão amiga de ACM deveria decidir se o hacker ´e do DEM ou do PT.
    O ridiculo não tem fim. e o pior é que é bem paga para isto.

  14. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome