Fora de Pauta

O espaço para os temas livres e variados.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Brasileiros em Portugal entre o desemprego e o medo de serem despejados

6 comentários

  1. Neoliberalismo – governos totalitários
    Neoliberalismo – governos totalitários

    E o novo chegou, pela extrema direita e se apresenta como sociedade anti-liberal, de governo totalitarismo.

    É a erupção do temerário Estado Leviatã, promovendo o controle e destino do país através dos instrumentos facistas da “insegurança jurídica” e forte repressão pelo Estado.

    A justiça leviatã.

    Quando a nossa Ciência Jurídica optou pelo sistema processual Civil Law (direito alemão/romano) foi por entender que conceder a liberdade descricionária – fora do controle legal estabelecido pelas normas escritas – como acontece no Common Law (direito americano) seria uma grande temeridade.

    Faltam- nos formação social e política, essenciais para que haja equilíbrio institucional que permita que o ato individual produza justiça.

    A utilização do “Commom Law” no Brasil está formando a cultura do justiciamento,  onde cada qual conduz o seu próprio mecanismo de justiça independente das regras estabelecidas em leis.

    Essa liberdade interpretativa está causando enormes divergências entre várias decisões judiciais sobre uma mesma matéria.

    Este desequilíbrio era exatamente a preocupação maior dos liberais com o chamado Estado Leviatã. A insegurança jurídica é o mais nefasto instrumento utilizado pelo fascismo para manter o controle.

    O Estado Totalitário

    O neoliberalismo não é apenas um pensamento econômico nem se resume apenas no conceito do estado mínimo; é o novo nome do totalitarismo. Ele parte do conceito de que o Estado deve funcionar como empresa.

    O estado-empresa ocupa o lugar do estado de bem estar social. Agora é diferente. Cada um é cada um e sobrevive o mais forte.

    Como ocorre com toda corporação, os maiores acionistas ganham os maiores dividendos. Os minoritários – o povo – ficam com as sobras.

    É a nossa decadência em direção ao totalitarismo corporativo.

    Teríamos então que trocar o primeiro artigo da constituição, aquele que diz que “todo o poder emana do povo e em seu nome deve ser exercido” e substituí – lo por outro: todo o poder emana do estado e em nome dele deve ser exercido.

    O neoliberalismo detesta democracia e eleições. É uma forma de governo que prescinde de povo e, portanto, só se mantém pela força.

    O neoliberalismo defende retirar o povo do orçamento. O caixa serve para financiar as empresas nas grandes obras e garantir a segurança através da forte repressão.

    O neoliberalismo é a mais nova faceta do estado corporativista. É a volta do temido estado leviatã.

    Leia a fabulosa observação de Chris Hedges sobre como estão se formando os Estados Corporativos:

    http://assisprocura.blogspot.com.br/p/orwell-estava-certo-huxley-tambem.html?m=0

    http://assisprocura.blogspot.com.br/2018/01/neoliberalismo-governos-totalitarios.html?m=0

  2. Ouch!!!
    Ta nevando neve de

    Ouch!!!

    Ta nevando neve de avalanche aqui!  Eh so a segunda vez que vejo.  Se ouvirem dizer que teve mais acidentes que o normal… Nao digam que eu nao avisei.

    • Das avalanches e avajantas…

      Vento forte demais.

      Flocos de neve despedacados e esfarinhados.

       Jogo de tempetatura.

      Neve, toda do tamanho de graos de areia ou menores, se derrete somente por fora, e por dentro eh cristal de gelo, branquinho.

      Grao de neve. Congelado por fora, portanto comprimindo o ar aa volta do cristal de gelo central.

      Basta uma polegada desse tipo de gelo debaixo de uma camada de neve normal pra uma reacao catastrofica em cadeia desabar o que quer que esteja emcima dele.

      Ou seja…

      Avalanche por ar comprimido.

    • Ugh, passou a hora, o que eu

      Ugh, passou a hora, o que eu tava tentando explicar era um efeito de ar DEScomprimido. So me distrai mesmo.

  3. As procura das subpolarizacoes

    Ainda no assunto “Maquina de Todas as Curas”…

    Qual eh ou quais sao as distorcoes nos padroes de interferencia do experimento de duas fendas se tiver uma luz azul circularmente polarizada em uma direcao aa primeira fenda e uma luz vermelha circularmente polarized em outra direcao aa segunda fenda???

  4. Petrobrás

    Petrobrás: Como destruir a maior empresa do Brasil!

    Agora Pedro lalau faz acordo lesivo a Petrobrás, pagando R$ 10 BI,  para os acionistas americanos, deixando de fora os acionistas brasileiros. E a Lava jato que investiga a Petrobrás, criminosamente se cala!

    Veja o vídeo desta matéria em: https://www.youtube.com/watch?v=BQR4o2Kd9ZE

     

    A Petrobrás nasceu na década de 40/50 nos braços do povo no movimento “O Petróleo é Nosso!”, quando o petróleo no Brasil ainda era um sonho.  Quem estava a favor da campanha do petróleo? Civis militares, conservadores e comunistas.

    E quem estava contra? Na época, a campanha do petróleo focava nas multis de petróleo, principalmente a estadunidense Standard Oil Company que  foi a maior companhia de seu tempo, produzindo, transportando e refinando petróleo.

    Mas já naquela época muitos “brasileiros” faziam oposição a Petrobrás. A Petrobrás, dividia famílias: O Tucano FHC que tentou privatizar a Petrobrás tinha na família dois generais engajados na defesa da Petrobrás, o pai Leônidas Cardoso, e o tio Felicíssimo Cardoso: “PAI E TIO FALAM DE FHC, O PRESIDENTE DOS BRAZILEIROS: “NÃO TEM CARÁTER. NÃO É CONFIÁVEL” (1)

    Como destruir a Petrobrás? Primeiro sob o auspicio de Aécio Neves e Eduardo Cunha, derrubaram a presidenta eleita, Dilma Rousseff.

    Depois, o PSDB de FHC e Aécio Neves indicaram ao golpista, MiShell Temer, para presidir a Petrobrás, o tucano, Pedro lalau Parente.

    Pedro lalau foi ministro do apagão de FHC, e Presidente do Conselho de administração da Petrobrás. Chamo de Pedro lalau por que ele é réu desde 2001 em ação que versa sobre a venda de ativos quando acarretou um rombo de R$ 5 BI a Petrobrás (3).

    Pedro lalau foi um dos cabeças no governo de FHC, das tentativas frustradas de mudar o nome de Petrobrás para Petrobrax e da privatização da empresa.  

    Pedro lalau como membro do governo de FHC participou da venda aos EUA de 40% das ações da Petrobrás por US$ 5 BI quando, segundo a Aepet avaliava que essas ações valiam no mínimo, US$ 100 BI (2).

    Como um demolidor do futuro Pedro lalau, aliado a Lava Jato, tirou da Petrobrás e entregou aos gringos, setores altamente estratégico, lucrativo e empregatícios, como: Petroquímico, fertilizantes, gás e biocombustíveis (4).

    Lava Jato e Pedro lalau destruíram a indústria naval e a engenharia nacional (5,6).  Como no governo de FHC, navios e plataformas vão ser construídos no estrangeiro, gerando emprego e renda para os gringos.  

    Pedro lalau trouxe de volta, do governo de FHC, o Repetro. Pelo Repetro, ferramenta aduaneira, as empresas estrangeiras ficam isentas de impostos de importação em maquinas e equipamentos do setor petróleo o que representa uma pá de cal na indústria nacional do setor (12).

    Formalizei denuncia ao MPF em novembro de 2016 da omissão da Lava Jato em relação a gestão criminosa de FHC e Pedro lalau até hoje sem reposta. Veja denuncia na integra (8).

     Mas o MPF que não respondeu a denuncia até hoje, mostrando de que lado está, em um ano, a pedido do juiz Sergio Moro, chefe da Lava Jato, me intimou por duas vezes, por possíveis danos a imagem do funcionário publico, no caso a de Moro (9,10).    

    Agora Pedro lalau faz acordo lesivo a Petrobrás, pagando R$ 10 BI,  para os acionistas americanos, deixando de fora os acionistas brasileiros. E a Lava jato que investiga a Petrobrás, criminosamente se cala!

    Digo lesivo, por que diferente do que prega os tribunais yankes a queda do preço das ações de petróleo foi resultado do preço do barril do petróleo no mercado internacional que caiu, em 2016 de mais de US$ 100 para US$ 25 (7).  

    A Lava Jato cuja a principal função é investigar a Petrobrás se transformou em partido politico, combatendo o PT: Delegados da Lava jato fizeram campanha para o tucano, Aécio Neves, inclusive chamando os petistas, Lula e Dilma de anta (11).

    Saiu da Lava Jato, as véspera da eleição que elegeu Dilma a denuncia fajuta para favorecer, Aécio Neves, que Lula e Dilma sabiam da corrupção na Petrobrás (11).   

     

    E agora como desdobramento da denuncia e condenação de Lula pela lava Jato, sem provas, o TRF4 vai julgar o ex presidente Luís Inácio Lula da Silva,  no dia 24/01/18 com o claro intuito de deixa-lo de fora da eleição de 2018.  

    Nessas horas vale a pena ler a carta- testamento de Getúlio Vargas:   

    ”Mais uma vez as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se e se desencadeiam sobre mim. Não me acusam, insultam; não me combatem, caluniam; e não me dão o direito de defesa”

    … “Quis criar a liberdade nacional na potencialização das nossas riquezas através da Petrobras, mal começa esta a funcionar a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero”…

    Getúlio Vargas se suicidou em 1954, mas antes, em outubro de 1953 criou a Petrobrás, e também a Eletrobrás, e o petróleo no Brasil era apenas um sonho.

    Será que agora que o pre-sal é uma realidade, respondendo por mais da metade da produção nacional de petróleo nos vamos permitir a sua entrega criminosa aos gringos!

     

    Fonte: 1 – http://www.pampalivre.info/pai_e_tio_falam_de_fhc.htm

    2 – https://limpinhoecheiroso.com/2014/03/26/privataria-ano-a-ano-os-estragos-que-fhc-fez-na-petrobras/

    3 – http://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2016/06/presidentes-da-petrobras-e-do-bndes-sao-reus-em-acao-por-rombo-bilionario-9872.html

    4 – http://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2016-09/petrobras-deixara-setores-de-biocombustiveis-petroquimica-e-fertilizantes

    5 – https://jornalggn.com.br/noticia/para-engenheiros-lava-jato-promovo-desmonte-da-industria-nacional

    6 – https://www.ocafezinho.com/2017/04/03/lava-jato-destruiu-industria-naval-brasileira/

    7 – http://g1.globo.com/economia/noticia/2016/01/barril-de-petroleo-da-opep-cai-para-us-25-o-menor-preco-em-12-anos.html

    8 – http://www.apn.org.br/w3/index.php/nacional/8685-petroleiro-protocola-denuncia-contra-operacao-lava-jato

    9 – http://www.viomundo.com.br/denuncias/moro-intima-petroleiro-por-possiveis-praticas-de-crime-contra-a-honra-de-servidor-publico-federal.html

    10 – http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/12/mandado-de-citacao-e-intimacao-contra_6.html

    11 – http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,delegados-da-lava-jato-exaltam-aecio-e-atacam-pt-na-rede,1591953

    11 – https://www.cartacapital.com.br/blogs/midiatico/retificacao-em-depoimento-de-youssef-e-mentira-diz-advogado-6661.html

    12 – http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/12/1946198-temer-avalia-vetos-a-medida-provisoria-que-amplia-o-repetro.shtml

    13 – https://pt.wikipedia.org/wiki/Carta-testamento_de_Get%C3%BAlio_Vargas

     

    Rio de Janeiro, 04 de janeiro de 2018. 

     Autor: Emanuel Cancella, OAB/RJ 75.300, ex-presidente do Sindipetro-RJ, fundador e ex- diretor do Comando Nacional dos Petroleiros, da FUP e fundador e coordenador da FNP , ex-diretor Sindical e Nacional do Dieese, sendo também autor do livro “A Outra Face de Sérgio Moro” que pode ser adquirido em: http://emanuelcancella.blogspot.com.br/2017/07/a-outra-face-de-sergio-moro-pontos-de.html.

    OBS.: Artigo enviado para possível publicação para o Globo, JB, o Dia, Folha, Estadão, Veja, Época entre outros órgãos de comunicação.

    (Esse relato pode ser reproduzido livremente)

    Meus endereços eletrônicos:

    http://emanuelcancella.blogspot.com.

    https://www.facebook.com/emanuelcancella.cancella

    https://twitter.com/ECancella

     

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome