GGN Covid Mundo: por qualquer métrica, o Brasil está no topo do mundo

Se juntar todos os países, o Brasil está em 6o lugar nos óbitos per capita, com 62,72 casos por 100.000 habitantes. Ocorre que alguns desses países são de população insignificante. Fazendo um corte de 10 milhões de habitantes, o Brasil salta para a 4a posição, perdendo apenas para Peru, Bélgica e Bolivia.

Há uma certa confusão quando se analisa o Covid-19 sobre os países, nos dados brutos e nos dados per capita. Recentemente, houve fake news sugerindo que, do ponto de vista per capita – o mair relevante para comparar desiguais -, o Brasil estaria se saindo bem.

Vamos por partes.

Aqui, o Mapa Mundi dos casos acumulados per capita. O Brasil está no topo, perdendo apenas de alguns vizinhos da América Latina.

No mapa dos óbitos per capita, ocorre o mesmo.

Vamos conferir em tabelas, para ficar mais clara a posição brasileira. Se juntar todos os países, o Brasil está em 6o lugar nos óbitos per capita, com 62,72 casos por 100.000 habitantes.

Ocorre que alguns desses países são de população insignificante. Fazendo um corte de 10 milhões de habitantes, o Brasil salta para a 4a posição, perdendo apenas para Peru, Bélgica e Bolivia.

Mais ainda. Quanto maior a densidade populacional (habitantes por km2), maior a facilidade de contrair a doença. Compare o quadro dos maiores óbitos. Ou seja, dos grandes países com médias per capita altas de óbitos, o Brasil é um dos países com menor densidade populacional. Portanto, mesmo com os dados a favor, se saiu pior do que Espanha, Reino Unido, Estados Unidos e México.

O balanço do dia

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora