Home Editoria Luis Nassif Online Governo Bolsonaro reduz gastos com campanhas de vacinação

Governo Bolsonaro reduz gastos com campanhas de vacinação

Governo Bolsonaro reduz gastos com campanhas de vacinação
Carolina Antunes/PR

Jornal GGN – O governo de Jair Bolsonaro (sem partido) reduziu os gastos com campanhas de incentivo a vacinação nos últimos dois anos, em comparação as últimas gestões federais, de acordo com dados obtidos pelo portal Uol. 

A quebra de uma trajetória de investimentos, mostra a redução de 21% nos valores pagos em propaganda de imunização nacional no ano passado, considerando a correção da inflação no período, em relação a 2018. 

Em 2019, os recursos investidos nessas campanhas caíram de R$ 77 milhões para R$ 60 milhões, conforme dados da execução orçamentária e do próprio governo. 

Já neste ano, até o último dia 22 de dezembro, os valores gastos com as campanhas foram ainda menores, em comparação aos últimos dois anos. Campanhas deste tipo receberam  apenas R$ 45,7 milhões em 2020, uma queda de 24% em relação ao primeiro ano da gestão de Bolsonaro. 

Esses valores, no entanto, não se referem ao montante previstos para divulgação da vacinação contra a pandemia da covid-19, nem sobre os gastos com compra de imunizantes.

Segundo o Ministério da Saúde, a redução com gastos em 2019 se deve “à redução orçamentária” da pasta. No entanto, o governo não se manifestou sobre a situação deste ano. 

Contudo, a justificativa contradiz os dados do orçamento do ministério comandado pelo general Eduardo Pazuello. Conforme informado pelo Uol, entre 2015 e 2020, o orçamento da pasta passou de R$ 131 bilhões para R$ 160 bilhões pagos — com um ano de queda: 2017. Além disso, nos governos anteriores, mesmo quando o orçamento caiu, os gastos com campanhas de vacinação subiram.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Sair da versão mobile