Idoso encontra R$ 60 mil enterrados em pote de sorvete no quintal de casa

Dinheiro pertenceria à ex-proprietária do imóvel, mãe de ex-secretário investigado por fraude em licitação de seringas

O pote de sorvete enterrado com dinheiro no quintal da casa da mãe de ex-secretário da Saúde. Crédito: Divulgação/ Polícia Civil

O funcionário público aposentado Raimundo Soares Sobrinho encontrou, na manhã de sábado (17), quase R$ 60 mil em um pote de sorvete enterrado no jardim da casa que ele comprou no ano passado, em Palmas, Tocantins. 

Durante uma faxina no quintal, Sobrinho encontrou um saco preto enterrado atrás de arbustos. Ele então decidiu puxar o saco e percebeu que havia um pote de sorvete com maços de notas de R$ 50 e R$ 100.

“Eu tirei só a tampa, quando eu notei que era dinheiro, eu tampei e botei no mesmo local. Nem cheguei a tocar no dinheiro, não. Aí, retornei o pote para o mesmo local e entrei em contato com a polícia, exatamente para eles fazerem a investigação de onde foi que esse dinheiro surgiu. Eu assustei bastante, fiquei até um pouco tremendo, muito nervoso ainda”, afirmou o aposentado à TV Anhanguera.

Sobrinho comprou a casa para a filha morar. Ele se interessou pelo imóvel depois de ver um anúncio na internet. 

A residência pertencia a Inêz Piva de Santana, mãe do ex-secretário de Estado de Saúde Afonso Piva, investigado pela Polícia Federal por comprar quatro milhões de seringas para hospitais públicos. 

Entenda o caso

Em 7 de agosto, Afonso Piva deixou a Secretaria de Estado da Saúde (SES) de Tocantins após ser alvo de busca e apreensão em uma operação da PF. 

Pela compra de quatro milhões de seringas pelo valor de R$ 6,9 milhões, Piva e outros servidores estaduais são acusados dos crimes de fraude em licitação, desvio de verbas públicas, organização criminosa e lavagem de dinheiro.

As investigações apontam que houve fraude no processo de licitação, uma vez que participaram do processo empresas ligadas ao mesmo grupo empresarial. Os preços pelo insumo também foram superfaturados, a fim de beneficiar a vencedora. 

Além de Piva, Inêz Piva de Santana também será alvo de investigação.

LEIA TAMBÉM:

Camila Bezerra

Jornalista

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador