Maia e Moraes articulam “cinturão antigolpe” com empresários, diz Tales Faria

Segundo o jornalista, "para evitar uma maior aproximação entre Rodrigo Maia e empresários, o presidente tem minimizado declarações que possam ser tachadas de golpistas"

Foto: Divulgação/Presidência

Jornal GGN – O jornalista Tales Faria revelou em seu blog no UOL, nesta segunda (22), que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e o ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, têm mantido encontros regulares para discutir a crise das instituições, inclusive com a participação de grandes empresários, como Jorge Moll Filho, principal acionista da rede D’Or.

A articulação “antigolpe” de Jair Bolsonaro já chegou aos ouvidos do presidente da República, que acredita que Maia e Moraes arquitetam, na verdade, um processo de afastamento. “Daí porque Bolsonaro resolveu investir na formação de uma base parlamentar de apoio ao governo no Congresso, oferecendo cargos ao Centrão”, explicou Faria.

Segundo o jornalista, “para evitar uma maior aproximação entre Rodrigo Maia e empresários, o presidente tem minimizado declarações que possam ser tachadas de golpistas.”

Acuado pelo inquérito da fake news e as ações eleitorais que visam sua cassação, Bolsonaro ainda deve se preocupar com o avanço das investigações do caso Queiroz, que podem minar sua relação com os militares.

“O presidente sabe que os generais da ativa não aceitarão ser envolvidos pelas acusações contra o miliciano que assessorava seu filho e senador, Flávio Bolsonaro. Nessa hora, todo cuidado é pouco para evitar que os militares de alta patente se juntem a Rodrigo Maia e Alexandre de Moraes.”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Seria o Petismo o lado oposto do Bolsonarismo? Por Ricardo Manoel Morais

3 comentários

  1. Isto também cheira à golpe …
    Com o sr Maia já é estranho , com o sr Moraes então …
    O sr Moraes é aquele ministro da Corte Suprema , não ?!

  2. Não sou do ramo, mas me parece que a segunda feira é o pior dia para a mídia produzir noticias frescas e principalmente relevantes.
    Como não tem o que publicar, inventam, reinventam, requentam. É o dia do virado.

    A noticiar que “empresários” estão criando um cinturão antigolpe, o articulista apresenta o nome de um único empresário que é listado pela forbes com 1,5 bí, como se isso fosse suficiente para para dar sustança ao cinturão.

    O articulista sabe melhor que muitos, que não é só a grana que conta, tem que ter um sobrenome por traz. Um Ermírio de Morais, Setúbal, Jereissati valem muio mais que grana que possuem. Quem é esse talzinho de Moll, dono do Copa D`Or e me parece do São Luis? Onde estão os quatrocentões.

    Esse artigo é como as falas dos miliacianos ao dizerem; Eu tenho a força! Puro Blêfe de segunda feira.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome