Médicos comunicam piora no quadro clínico de Pelé

 

Jornal GGN – Pelé continua internado na UTI do Hospital Albert Einstein, em São Paulo. De acordo com o boletim médico, os antibióticos que pretendiam combater a bactéria que causaram infecção em seu sangue causaram a falência dos rins. Por isso, ele está sendo submetido a tratamentos de hemodiálise. Pelé está internado desde a última segunda-feira, quando foi fazer uma consulta de rotina e os exames detectaram a infecção.

Pelé não responde a tratamento e quadro piora, diz canal de TV

Do Estadão

Antibiótico utilizado no tratamento para combater a bactéria que causou uma infecção em seu sangue não surte o efeito esperado

O quadro clínico de Pelé piorou na noite desta quinta-feira. Segundo o canalSportv, o ex-jogador, internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, não responde bem ao antibiótico usado no tratamento de uma infecção abdominal.

De acordo com o último boletim médico, o Rei do Futebol passa por um tratamento de suporte renal, a hemodiálise, que consiste na utilização de um aparelho para filtrar o sangue. Os rins do ex-jogador, que teve de tomar remédios mais fortes para tentar combater a bactéria que causou a infecção, começaram a falhar devido ao sangue infectado. Ele também precisou tomar medicamentos para controlar a pressão arterial.

Após se sentir mal durante um evento, em Santos, em 12 de novembro, Edson Arantes do Nascimento foi internado e passou por uma intervenção cirúrgica para a retirada de cálculos renais no dia seguinte. Na última segunda-feira, Pelé foi ao hospital Albert Einstein para uma consulta de rotina, mas os exames detectaram uma infecção urinária e ele teve de ficar internado para receber cuidados especiais. A maior preocupação agora é com uma possível infecção generalizada e as próximas 48 horas são essenciais para o quadro clínico do Rei do Futebol. 

Confira o boletim médico divulgado nesta quinta-feira, às 20 horas:

O paciente Edson Arantes do Nascimento (Pelé) apresenta melhora de sua condição clínica e seguirá sob cuidados na unidade de terapia intensiva. Agora está temporariamente em tratamento de suporte renal, sem necessidade de outras terapias de suporte.

O Hospital fornecerá boletim assim que houver nova informação.

Médicos Responsáveis:

Dr. Fabio Nasri

Dr. Marcelo Costa Batista

Diretor Superintendente do Hospital:

Dr. Miguel Cendoroglo Neto

Corpo de Pelé não reagiu bem aos antibióticos

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora