Ministério Público Federal convoca Flávio Bolsonaro a depor

Depoimento está relacionado a declarações de Paulo Marinho, que afirma que senador foi informado sobre investigação de Fabrício Queiroz

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ). Foto: Reprodução

Jornal GGN – O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) foi convocado pelo Ministério Público Federal a depor na investigação sobre supostos vazamentos da Polícia Federal, relacionados à Operação Furna da Onça.

Segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, os advogados Ralph Hage Vianna e Christiano Fragoso também foram convocados a prestar esclarecimentos.

A investigação integra o inquérito aberto a partir das declarações feitas pelo ex-aliado dos Bolsonaro, Paulo Marinho (pré-candidato à Prefeitura do Rio de Janeiro pelo PSDB), de que o filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro soube antecipadamente da operação que mostrou as movimentações nas contas de seu ex-assessor, Fabrício Queiroz, preso nesta quinta-feira (18/06) na cidade paulista de Atibaia.

De acordo com Marinho, o próprio Flávio lhe disse que um delegado da Polícia Federal entrou em contato para falar das investigações antes do primeiro turno das eleições de 2018, e informou que integrantes da Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro iriam adiar a operação para não afetar Jair Bolsonaro (sem partido) no segundo turno das eleições.

 

Leia Também
A prisão de Queiroz é o lance final no desmonte da organização Bolsonaro, por Luis Nassif
Paulo Marinho tenta recuperar antigo celular de Bebianno
Do Banestado à Lava Jato: o passado de Sergio Moro

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome