O Socialismo é uma coisa do passado? Nos USA começa a se achar que não!

O Socialismo é uma coisa do passado?

Estamos tão envoltos na discussão da Lava a Jato, nas conspirações mediáticas contra o governo que olhamos um rato e deixamos passar um elefante.

As primárias em Iowa mostraram uma coisa interessantíssima, um candidato ao partido republicano, o único senador norte-americano que se declara com todas as letras SOCIALISTA está no páreo das eleições presidenciais norte-americanas.

As primeiras primárias, uma espécie de pré-convenção estadual para definir quem votarão os eleitores indiretos a presidência da república norte americana termina num aparente empate entre a outrora toda poderosa Hillary Clinton com o desconhecido candidato norte-americano para a população brasileira Bernie Sanders.

A campanha dos dois candidatos não é a mesma coisa que ocorreu nos últimos 50 anos da política norte-americana, onde um candidato democrata era seis e outro era meia dúzia.

A diferença de plataformas políticas de Sanders para Clinton é da água para o vinho, Clinton tem um discurso igual aos últimos candidatos que prometem mudar dentro das linhas políticas vigentes, apoiados pelos grandes trustes e corporações, para finalmente quando chegam ao governo praticamente não fazem nada.

Sanders, que só recebe doações de pessoas físicas limitadas a US$100,00 por doador, propõe significativas mudanças na política interna e externa norte-americana, desde ao chamado Obama-Care, um SUS norte-americano que é gerenciado pelas companhias de seguro, para um SUS de gerência governamental. Sanders promete reduzir a ação dos Bancos e Corporações norte-americanas, mais ou menos como foi solicitado pelos ativistas do Occupy Wall Street, que, diga-se de passagem, desembarcaram de malas e bagagens na campanha Sanders.

Leia também:  Para Indústria, Marco Legal do Saneamento "viabilizará novo ciclo de investimentos"

Além da declaração de ser socialista do candidato, o mais importante é o simbólico da campanha deste candidato. Um candidato socialista nos USA é algo impensável há vinte anos atrás, a campanha do candidato tendo como canção-hino “This Land Is Your Land” do falecido compositor e cantor folk comunista (comunista mesmo, não socialista) Woody Guthrie, parece que algo muda na política norte-americana.

Ou seja, enquanto muitos aqui falam que socialismo é uma ideologia morta, o principal país do mundo procura ressuscitá-la.

As chances de Sanders ainda são pequenas, porém só pensar que alguém se dizendo socialista tem pequenas chances nas presidenciais norte-americanas, parece-me que não é uma pequena notícia.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome