Temas sociais ganham histórias em quadrinhos assinadas pelo roteirista Daniel Esteves

As histórias em quadrinhos estarão na Comic Con Experience (CCXP), de 5 a 8 de dezembro, em São Paulo

Jornal GGN – O esporte como alternativa para driblar a desigualdade de raça e classe e temáticas como homofobia, fanatismo e metalinguagem ilustram as HQ’s do roteirista Daniel Esteves. As histórias em quadrinhos estarão na Comic Con Experience (CCXP), de 5 a 8 de dezembro, em São Paulo. Depois disso, as publicações da Zapata Edições, também serão lançadas em evento na escola de artes HQ em FOCO, no dia 14. 

Com desenhos de Alex Rodrigues, “Último Assalto” usa o boxe como metáfora para falar da desigualdade social. O protagonista Kevin Silva, jovem negro e pobre, abandonado pelo pai e que perdeu a mãe enquanto cumpria medidas socioeducativas na Fundação Casa, é apaixonado pela luta. 

Como muitos jovens que encontraram no esporte a saída de uma situação de desamparo social, Kevin quando volta ao convívio social quer reconstruir a vida, reconquistar a confiança do treinador Tony, subir no ringue e dar uma vida melhor para si e o tio doente. Nesta jornada, o menino fica dividido entre os bons conselhos de Cibele e a má influência de Rafa.

O projeto, com 160 páginas foi lançado em março de 2019, financiado pelo Programa de Ação Cultural (ProAC) e realizado com apoio da Secretaria da Cultura do Governo do Estado de São Paulo.

Já em “Sobre o tempo em que estive morta”, Daniel Esteves narra o retorno de Cris, uma escritora em crise, à sua cidade natal 15 anos depois de um misterioso acidente de barco. Dada como morta pela população local, inclusive seus pais e melhores amigos, Cris precisa não só fazer as pazes com o passado, mas encontrar seu lugar no presente. 

Universos paralelos, homofobia, fanatismo e metalinguagem se misturam na história com arte de Sueli Mendes, Pedro Okuyama e Wanderson de Souza. Com 112 páginas, esse foi um dos projetos selecionados pelo 1º Edital de Publicação de Histórias em Quadrinhos da Secretaria de Cultura da Prefeitura de São Paulo.

Autor dessas histórias, o roteirista Daniel Esteves também é professor de HQs na escola HQ em FOCO e responsável pelo selo Zapata Edições. Esteves teve sua produção independente contemplada com oito Troféus HQ Mix, principal premiação brasileira do segmento. Em 2009 e 2012, também ganhou o troféu Angelo Agostini como Melhor Roteirista Brasileiro.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome