The Guardian: A estratégia de Sanders para disputar vaga contra Biden

Senador reavalia campanha presidencial após revés na Super Terça; foco é fazer novos apelos aos afro-americanos e aos eleitores mais idosos

Bernie Sanders tenta se recuperar do revés sofrido na Super Terça reestruturando sua campanha. Foto: Reprodução/REUTERS/Callaghan O'hare

Jornal GGN – Bernie Sanders está “redefinindo” sua campanha pela vaga do Partido Democrata à disputa da presidência dos Estados Unidos, em meio aos sinais de que sua revolução política não tem dado o resultado esperado.

Como explica o jornal inglês The Guardian, a campanha de Sanders tenta reiniciar sua estratégia depois que o ex-vice-presidente Joe Biden venceu em 10 dos 14 estados que realizaram eleições primárias.

Dentre os planos, estão um impulso renovado no meio-oeste americano antes das eleições primárias em Michigan, além de aumentar seus ataques a Biden na televisão.  A campanha também está se esforçando para trazer mais eleitores idosos e afro-americanos, grupos que aderiram à campanha de Biden com força na Super Terça.

Sanders vê Michigan como uma chance de recuperar seu passo depois da derrota na Super Terça-feira, depois de derrotar Hillary Clinton em 2016. Ele espera que seu foco nas políticas que atraem os americanos da classe trabalhadora, como um salário mínimo federal de US$ 15, seja bom não apenas nesse estado, mas também no cinturão de Illinois e Ohio, que realizam suas primárias em 17 de março.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Governo manda a polícia para tomar as chaves da Cinemateca

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome