Adversários de Dilma unificam discurso para disputa eleitoral de 2014

Jornal GGN – Enquanto Marina Silva se desdobra para garantir o registro de seu partido, Rede Sustentabilidade, para disputar as eleições de 2014, outros dois legendáveis entram em cena, unificando o discurso para desgastar a presidente Dilma Rousseff.

Aécio Neves (PSDB/MG) e Eduardo Campos (PSB/PE) orquestram uma parceria temporária e estratégica para consolidar seus nomes como adversários da oposição ao governo do PT. Na matéria da Folha desta quinta, eles dizem que “reconhecem, contudo, que as críticas em dose dupla ganham dimensão maior na imprensa e podem aprofundar o desgaste petista”, afirmaram.

Porém, o campo político entre ambos é arenoso, segundo os próprios candidatos “se um disparar sobre o campo político do outro, o acordo evapora”, resta saber até quando esse namoro vai durar.

Além disso, ambos seguem com desempenho ainda modesto, segundo pesquisa Datafolha , de 10 de agosto, Aécio Neves aparece com 13% das intenções de votos, Campos com, 8% e Marina Silva com, 26%.

José Serra, ex-governador de São Paulo, também possível candidato a presidente da República, caminha cada vez mais isolado dentro do seu partido. Mesmo em São Paulo, onde seu preciosismo é maior, deputados da bancada do PSDB já inclinam publicamente suas preferências ao senador mineiro.

Gilberto Kassab, presidente nacional do PSD (Partido Social Democrata) acredita que José Serra abandone sua sigla e se lance como candidato em um partido de menor representatividade. Kassab aproveitou a entrevista concedida à Folha e ao Uol, para anunciar que deve ser candidato a governador de São Paulo em 2014.

O PT (Partido dos Trabalhadores) segue numa disputa interna para decidir quem será o presidente nacional do partido. Rui Falcão se apresenta como favorito na legenda, neste caso, disputando à reeleição. Quem vencer será o responsável em acompanhar diretamente a presidente Dilma Rousseff nas eleições de 2014.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome