Marta precisa ter cuidado com o canto da sereia lulista, diz jornal

 

Jornal GGN – O Painel da Folha desta segunda-feira (19) traz uma frase sem dono certo (a fonte foi mantida em sigilo), dando conta de que a senadora Marta Suplicy (PT) deve tomar cuidado para não cair no “canto da sereia lulista”.

Na semana passada, o jornal publicou que Marta será abordada por caciques petistas nos próximos dias. Eles lhe ofertarão a chapa de 2018, rumo ao governo do Estado e, em troca, a senadora deve abortar a tentativa de deixar o PT e cessar fogo contra o governo Dilma Rousseff.

Sob o título “É cilada”, o Painel informa: “Dirigente de um partido que quer cooptar Marta Suplicy torce para ela não cair no que chama de ‘canto da sereia lulista’: a sinalização de que a senadora será candidata ao governo paulista em 2018, caso fique no PT.” Segundo a Folha, a ideia de oferecer à Marta o protagonismo na disputa estadual tem aval e ação direta de Lula. 

A fala converge com a declaração que o presidente nacional do PT, Rui Falcão, deu com exclusividade ao Jornal GGN no final de 2013, após Marta ter entregue uma carta de demissão do Ministério da Cultura criticando a gestão econômica do governo Dilma.

À época, Rui Falcão disse que a senadora reúne condições de ser a candidata do PT ao governo de São Paulo. Apenas é preciso “dialogar a respeito das pretensões dela”. Falcão denotou exatamente o que reportagens e colunas destacam atualmente: que Marta admitiu para si o papel de desprestigiada e não tem conversado com o próprio partido sobre seu potencial em disputas futuras.

Leia mais: Marta pode ser candidato ao governo de São Paulo, diz presidente do PT

Mesmo hoje, em meio a críticas ferrenhas ao PT, os planos de Marta Suplicy não estão claros. Alguns dizem que ela mira a eleição de 2018, e não a disputa pelo Paço municipal em 2016, contra o prefeito Fernando Haddad (PT). A propósito disso, o presidente Rui Falcão pontuou, ainda na entrevista ao GGN, que Haddad tem direito a tentar a reeleição.

Concorrência interna

A tese do “conto da sereia lulista” equaciona justamente um possível sucesso de Haddad na próxima eleição municipal, o que o credenciaria a ser o candidato do PT na corrida pelo Palácio dos Bandeirantes em 2018. Ainda que este seja o objetivo de Marta, ela teria, então, concorrência interna à vista.

Afinal, não só Haddad guarda condições de ser o postulante, mas há também outros petistas na fila. Caso do ex-candidato Alexandre Padilha e do prefeito de São Bernardo do Campo, Luiz Marinho – petista graúdo que já foi ministro de Lula duas vezes, e não esconde suas pretensões quanto ao governo estadual.

Não está descartada, porém, a hipótese de Marta ter realmente “cansado” do PT e mirar outra legenda. A entrevista que a senadora deu ao Estadão – dizendo que o PT já não é o partido que ela ajudou a fundar, entre outras críticas – tem ares de caminho sem volta rumo ao rompimento. Em outras entrevistas, Marta admitiu conversas com partidos como o PMDB, PSD, PDT e até mesmo o Solidariedade de Paulinho da Força, que faz oposição ao governo Dilma.

Segundo a Folha, se Marta realmente afirmar aos caciques petistas que pretende abandonar o barco, ninguém tentará impedir ou reivindicar seu mandato no Senado. O que o PT não quer é o desgaste – embora este venha a ser maior caso Marta dispute contra Haddad o Paço paulistano.

8 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

jura

- 2015-01-20 00:54:17

Muita farinha pra pouco pirão

Se a sereia cantar muito, vai perder de novo. Marta está mais queimada do que panela de obra. O PT ainda não está pronto para SP e não vai ganhar defendendo a revolução de 32 como fez Padilha... Marta não agrada nem a madames vizinhas dela, quanto mais os caipiras do interior que nem a conhecem!

Anarquista Lúcida

- 2015-01-19 22:01:11

Nao é comovente, o PIG tao preocupado c/ a Marta?

Por mim, tomara que ela pense melhor e fique no PT. Seria ruim tê-la como concorrente aos candidatos do PT, seja para a prefeitura seja para o Estado. Agora, se ela insistir no caminho que está seguindo, acho que o mandato deve ser pedido de volta sim, é do partido, nao dela. 

altamiro souza

- 2015-01-19 19:48:12

coisa de psirico

coisa de psirico psiônico.

arte telepática dos colunistas da folha,

agora exacerbada.

mais uma matéria alucinatória da folha, daquelas telepáticas.

a habilidade de adquirir informação do

pensamento

ou do sentimento

ou da atividade do outro sem ouvi-lo.

falácia extra-sensorial.

desde 2003 a praticam e vão se aperfeiçoando,

os mandraques. 

sofrem de anomalia cognitiva,

uma pertinaz doença da grande mídia,

muito recorrente nos golpismos contumazes.

.

 

 

 

Fernando J.

- 2015-01-19 19:27:48

Isto é Marta Suplicy. Chega.

Domingo, 15 de junho de 2014, Ginásio de Esportes da Portuguesa, Convenção Estadual do PT. Marcada para começar às 10 horas, atrasou, como de praxe. Ginásio superlotado, caravanas de ônibus de todos os cantos do Estado, clima de festa, como só os eventos do PT são capazes. Começam os discursos, cada um estourando o prazo mais do que os outros. Perto das 14 horas, o público, sem almoço, que saiu muito cedo de suas casas, começa a ficar impaciente e debandar. Todos já falaram, falta só o Padilha e o Lula para encerrar. Mas, uma pessoa perdeu a hora, a senadora Marta, que precisava falar para passar para o Padilha e o Lula encerrar. E ela não chega. O Emídio, presidente Estadual do PT, pega o microfone e começa a enrolar, e enrola, e enrola esperando a Marta, cujo único compromisso naquele domingo era ir à convenção do seu partido. Lá do último anel do Ginásio de Esportes, onde estava com o meu amigo e colega de escola vereador Anderson Silva, e toda a galera da Fiel (Corínthians) de Francisco Morato, assisto a tudo sem um pingo de supresa. Finalmente, dona Marta dá o ar da graça, fala, vem o Padilha e Lula encerra a convenção exatamente às 15p3 minutos, que eu fiz questão de marcar no relógio, com o ginásio reduzido a 50% do público original. . 

Chega, dona Marta, vá à merda. 

Gilson AS

- 2015-01-19 19:06:02

Canto de sereia é o que estão

Canto de sereia é o que estão dizendo para a Marta sair do PT, principalmente membros da oposição.

Quero ver ela encantar alguém e sobreviver sem as águas do PT.

Sem o PT a sereia Marta não encanta ninguém.

alexis

- 2015-01-19 18:32:42

Isso mesmo

Isso mesmo

Lionel Rupaud

- 2015-01-19 16:50:41

A materia é imbecil, como tudo o que sai na FSP,

mas se for verdade que Lula quer evitar a saída dela do PT, ele está cometendo um erro.

Deixem ela ir para o PMDB, o partido do maridão atual!

"Pourvu que ça dure" falava a mãe do Napoleão Bonaparte...

Schell

- 2015-01-19 16:25:35

Pois a realidade demonstra

Pois a realidade demonstra exatamento o contrário, ela é que está indo no canto de sereias as mais diversas e, com certeza, servirá de repasto aos abutres atucanados de sempre. Ganha o PT com a sua (dela) saída. Perde quem a "comprar" pelo o que ela acha que "vale".

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador