Comentário sobre a visão de Lilia Schwarcz de Bolsonaro

Foi quase uma década de uma imprensa forjando realidades e escondendo a própria. Quando Lilia coloca culpa no PT e junta com o PSDB, me parece recontar a história.

Por Frederico Firmo

comentário no post Lilia Schwarcz: intelectuais, PT e PSDB têm responsabilidade na ascensão de Bolsonaro

Os trabalhos de Lilia Schwarcz são muito interessantes, mas não gostei da análise

Eleito, Bolsonaro instaurou uma “democradura” com relativa facilidade, porque historicamente o brasileiro se volta para a direita quando entra em crise política. “(…) em momentos de crise os brasileiros votam em políticos mais autoritários e populistas porque prometem saídas fáceis e imaginárias em que tentamos acreditar”,

Mas mais uma vez a culpa parece ser de um povo que tem um destino traçado e que se volta para a direita. Me parece que isto não foi tão fácil assim e desde que Lula assumiu a presidência uma campanha contrária se iniciou. Se inicia com o Mensalão que a direita achava que seria a bala de prata e continuou nos governos seguintes. Foi muito jogo de cintura e muita ação na economia do pais que manteve os governos de Lula e quando as primeiras dificuldades economicas surgiram, a campanha de esconder a realidade e recontar a história chegou ao ápice.

Foi quase uma década de uma imprensa forjando realidades e escondendo a própria. Quando Lilia coloca culpa no PT e junta com o PSDB, me parece recontar a história. Quando se busca a origem disto tudo em erros do PT se esconde que o PSDB iniciou e capitaneou os ataques e as mentiras. Não esqueçamos que o autor da PEC do orçamento é Serra, não esqueçamos que os principais sustentaculos da tal luta contra a corrupção foram exatamente os tucanos.

Leia também:  A garota inocente, inteligente, estudiosa, obediente e de futuro assassinada por Witzel

E foram eles que no desespero da derrota terceirizaram primeiro para Cunha e centrão o papel de capitão do mato. Sempre esperando controlar os terceirizados foram perdendo poder e em pouco tempo eram apenas o sustentaculo. Não esqueçamos que os interesses externos na destruição do estado brasileiro se inicia nos governos tucanos com a privataria. E que a guinada para a luta moral, que se tornou uma jornada auto destrutiva para tucanos, foi por eles incentivada.

Apenas como exemplo foi toda a cupula tucana a defender a quebra institucional que foi o impeachment. E mais recentemente Tasso Jereissati se tornou um dos sustentaculos de Bolsonaro. Quanto aos intelectuais tucanos, os vimos quase que diariamente nos programas de televisão recontando a história E vimos o honrado ALlkmin dizer que valia tudo menos o PT. O ataque da Lava Jato às riquezas do país se transformou em vamos prender o Lula. Todos os cinicos sabem do absurdo deste condenação, mas continuam se solidarizando com Temer Azeredo e outros.

E mais do que nunca a troupe tucana vai defendendo as reformas trabalhista, previdenciaria e a PEC do orçamento. Vão ainda dando músculo para exercito privatista. Afinal Parente era da família tucana. A tercerização do poder chegou agora a um beco sem saída, pois ao invés de seus economistas se tem Guedes. Mas o PSDB , criador de Dória, chamou para vice a Senadora Ana Amélia, a Ana do Relho.

Era uma mensagem dizendo que nós pensamos como Bolsonaro. Afinal Ana Amélia é um Bolsonaro de saias. O PSDB vai continuar flertando com o fascismo acompanhado de todos os seus intelectuais.

Leia também:  O futuro vem do Nordeste: o modelo de desenvolvimento da nação Pernambuco, por Luis Nassif

Pois é num fascista cheiroso, Dória, que o PSDB vai apostar, sempre na espera que esta lacuna de tempo no poder lhes dê tempo para a destruição do Estado. E terão o auxlilio de seus economistas e intelectuais.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

A narrativa em torno dos fatos, admitem muitos vieses. Entretanto, se nos ativermos aos fatos, é notório que a mudança da política econômica do governo Dilma, em relação à expectativas do eleitorado, foi um fator decisivo. De uma só vez, Dilma destruiu o crédito de que o PT estava preocupado com o povo e não com as elites econômicas representadas pelo PSDB e na nefasta figura de Aécio Neves. A ingenuidade de Dilma, ao acreditar que a renúncia fiscal haveria de preservar ou mesmo ampliar empregos e, que o ciclo gerado, cobriria os déficits a partir do incremento da arrecadação, foi cálculo de padaria planilhada. Nomear o incompetente Joaquim Lévy para a economia, e endossar suas medidas recessivas sem ter ao menos a grandeza de informar a população de que fazia tal mudança ao arrepio do desejo da população, foi de incompetência assombrosa. Foi Dilma que impulsionou a caça às bruxas no PT, ao demitir sequencialmente todos os ministros que fossem "acusados" (quase sempre pela mídia) sem ao menos lhes dar a chance de se defenderem. Tosca, acreditava que isto representava republicanismo, quando não passava de mera quinta-coluna, mais preocupada com sua auto imagem, que com a república e os danos. Aprés mois le deluge, foi seu mote. Lula, o desatento, deixou que ela barbarizasse o partido, que atropelasse as políticas de infraestrutura, graças ao "dedo de ouro" da presidanta, já que precisava palpitar em tudo. Tanto que abriu o flanco para ser acusada de incompetente no caso das refinarias nos EUA. Secundada por dois pelegos, Guido Mantega e José Eduardo, que além de pelegos, de incompetência absurda, cegos e surdos aos apelos à razão, formou um triunvirato digno dos três patetas. Lamento Nassif, mas como na letra do Cartola: abismo que cavaste com os próprios pés. Este foi o erro do PT. Erro que não perdoo pois vitimou a nós todos. Não se pode atenuar que tais erros, acabaram por soterrar os acertos. Fosse mais humilde a esquerda, perceberia que dar as costas ao povo, fragiliza a democracia. Aliar incondicionalmente aos poderosos, desagua em traição. Agora, só há lamentos e ranger de dentes. Tampouco a esquerda vem demonstrando capacidade mínima de apontar uma solução. Paralisado por uma ensandecida presidente, o PT nada propõe de ordem prática. De onde menos se espera, é daí que nada sai.

Eugenio

19 comentários

  1. Muito bom, Nassif, esta Lilia S – até ela, tão sabida e historiadora, não se livrou de pensar com o preconceito difundido pela midia! E nem percebe! Sua correção foi necessária! Infelizment estamos à mercê destes coxinhas onipresentes!

  2. Em 1961, em meio à corrupção não petista e crescimento da inflação, a ingenuidade brasileira elegeu Jânio Quadros, o homem da vassoura, um louco da direita. 28 anos depois, pelas mesmas razões, elegeu um prepotente da direita. 28 anos depois, ainda pelas mesmas razões, elege um capitão analfabeto da extrema-direita. Retirando Collor (foi retirado), sobram Jânio, que, por ser INTELIGENTE, renunciou antes de completar sete meses de mandato, e Bolsonaro, que continuará ininteligente até o final do seu mandato, pra fazer exatamente o que os neonazistas querem.

  3. Por razões distintas, penso que PT e PSDB têm responsabilidade pela ascensão de Bolsonaro.
    PSDB por ter iniciado, com o corrupto Aécio Neves, o processo de impeachment de Dilma.
    PT por ter escolhido, nas últimas eleições, o objetivo de preservar o partido e impor sua hegemonia ao campo progressista. Lula sabia do forte antipetismo, mas não teve a mesma grandeza política que recentemente foi demonstrada por Cristina Kirchner.
    A saída reconhecida pelos principais líderes e analistas políticos democráticos é a formação de uma Frente Ampla para enfrentar o fascismo e mitigar a tentativa de destruição do Brasil. Se é tão óbvia a necessidade dessa Frente, por que ela não se constitui ? INTUO que, mais uma vez, o PT coloca seus mesquinhos interesses acima dos interesses da Nação, como se Lula fosse o “salvador da pátria”. Será que estou errado ? Por que as lideranças políticas não explicitam o quê impede a formação da Frente ?

    3
    5
    • Cristina Kirchner é senadora e ainda não está presa. Logo, é uma situação muito diferente da que vivemos aqui. Ela teve margem de manobra.
      Comparar PSDB e PT é o cúmulo. O PT foi o partido golpeado, o PSDB foi o partido golpista. Ponto. Qualquer análise tem que partir desse fato, inclusive porque o PSDB agora é Bolsonaro e tambem porque o governo Bolsonaro tem a agenda política e econômica do PSDB .

    • A pesquisadora é da USP. Metade do problema está encaminhado.
      A outra metade do problema reside no fato de que os intelectuais pressupõem que o sistema de justiça opera dentro da verdade. Eu considero isso uma vergonha, mas é uma vergonha compreensível. Mas os intelectuais não podem se esconder atrás do poder simbólico do sistema judicial para sempre. Em 2016 eu ouvi o professor Luís Felipe Miguel dizer que o Brasil caminhava para a ditadura novamente, no que foi desdenhado pelos seus pares cientistas políticos. Muitos deles mudaram de opinião com a realidade Bolsonaro, mas não com as sentenças judiciais. Aí reside o poder do golpe.

  4. Um detalhe importante: no livro dela, Lilia Schwarcz legitima de maneira acrítica a perseguição judiciária imposta à Lula. Ela corrobora a versão da imprensa de que Sérgio Moro agiu corretamente ao dar mais valor às acusações jornalísticas às provas que evidenciam que Lula não recebeu nem a posse nem a propriedade do Triplex.

  5. Concordo com a Lilia, a observação do PT e PSDB pelo poder levou a Bolsonaro.
    Os dois atuaram da mesma forma, ou seja, se forem eles não será ninguém.
    Lula e FHC são narcisistas.

  6. A Sra. Lília Schwartz é a equivalente de centro-esquerda (nome brasileiro da direita limpinha) do tosco Villa. Faz livros de divulgação com rasa interpretação histórica, como o Barbas do Imperador, que a coloca como um sub-Paulo Setúbal, tendo este pelo menos uns livros divertidos de ler. Junta-se à longa fila para jogar pedra na Geni-PT, depois de não ter feito nada para impedir a chegada da ditadura midiática-judiciária-fascista. Seria bom colocá-la junto a seus equivalentes em uma ilha bem confortável mas sem comunicação, onde fariam grandes debates sobre as culpas do PT.

  7. AVISO DO DJ.Nunca tinha ouvido falar nessa Senhora,apesar da minha surdez em pequeno grau.Me parece que ontem,alertei para o “simplismo desconsertante” da analise dela,ademais juntar PT e PSDB num balaio só,é dose para Titanossauro.Pelo dedilhar da pena,ela não consegue esconder um certo aroma tucanês.Esses tucanos,de ontem e hoje,não se diferem muito dos Bolsominions.Teem a mesma visão de mundo,da economia,do meio ambiente,das privatizações,e horrores a programas sociais,batizados por eles como “esmola”.Que diferença existem entre Tasso Jereissati,João Doria,Geraldinho Alkimin,José Serra,Fernando Henrique e quejandos com Jair Messias,exceto o corte do terno e usarem a gramática de uma forma mais amena.Eu mesmo respondo.Absolutamente nenhuma.É tudo a mesma sopa.Aliás,ontem eu fui até elegante com ela,na premissa de que,às mulheres estão reservadas as flores,não é Junior?Eu não,ele lá.

  8. Comentários elevados à post me parecem
    freios e contra-pesos, publicados à critério
    do editor. Assemelham-se a “cartas” de leitores
    de O Globo. Publicam-se as que interessam.

  9. dória é maluf. vai dar chabú. a esquerda se avolumará e as conquistas da primeira década do século 21 serão consolidadas.

  10. A narrativa em torno dos fatos, admitem muitos vieses. Entretanto, se nos ativermos aos fatos, é notório que a mudança da política econômica do governo Dilma, em relação à expectativas do eleitorado, foi um fator decisivo. De uma só vez, Dilma destruiu o crédito de que o PT estava preocupado com o povo e não com as elites econômicas representadas pelo PSDB e na nefasta figura de Aécio Neves.
    A ingenuidade de Dilma, ao acreditar que a renúncia fiscal haveria de preservar ou mesmo ampliar empregos e, que o ciclo gerado, cobriria os déficits a partir do incremento da arrecadação, foi cálculo de padaria planilhada. Nomear o incompetente Joaquim Lévy para a economia, e endossar suas medidas recessivas sem ter ao menos a grandeza de informar a população de que fazia tal mudança ao arrepio do desejo da população, foi de incompetência assombrosa. Foi Dilma que impulsionou a caça às bruxas no PT, ao demitir sequencialmente todos os ministros que fossem “acusados” (quase sempre pela mídia) sem ao menos lhes dar a chance de se defenderem. Tosca, acreditava que isto representava republicanismo, quando não passava de mera quinta-coluna, mais preocupada com sua auto imagem, que com a república e os danos. Aprés mois le deluge, foi seu mote. Lula, o desatento, deixou que ela barbarizasse o partido, que atropelasse as políticas de infraestrutura, graças ao “dedo de ouro” da presidanta, já que precisava palpitar em tudo. Tanto que abriu o flanco para ser acusada de incompetente no caso das refinarias nos EUA. Secundada por dois pelegos, Guido Mantega e José Eduardo, que além de pelegos, de incompetência absurda, cegos e surdos aos apelos à razão, formou um triunvirato digno dos três patetas. Lamento Nassif, mas como na letra do Cartola: abismo que cavaste com os próprios pés. Este foi o erro do PT. Erro que não perdoo pois vitimou a nós todos. Não se pode atenuar que tais erros, acabaram por soterrar os acertos. Fosse mais humilde a esquerda, perceberia que dar as costas ao povo, fragiliza a democracia. Aliar incondicionalmente aos poderosos, desagua em traição. Agora, só há lamentos e ranger de dentes. Tampouco a esquerda vem demonstrando capacidade mínima de apontar uma solução. Paralisado por uma ensandecida presidente, o PT nada propõe de ordem prática. De onde menos se espera, é daí que nada sai.

    1
    1
    • Conquanto em alguns pontos não lhe falte razão, não foram esses os motivos da derrocada do governo da presidenta. Fosse assim, o seu presidente bozo já estaria na papuda.
      A ex-presidenta foi deliberadamente antipatizada, caluniada, sabotada, traida e condenada.
      Não nos esqueçamos que enquanto o mundo se desmoronava em crise econômica, o país vivia sua melhor fase sob o governo PT.
      Todo os fãs da américa de cima deveriam ter a percepção de que o que é bom para os state NÃO É BOM PARA O BRASIL.
      Pode ser que você tenha a percepção de que vivemos um momento de melhor acerto de administração de governo que na era PT. Se esse for o caso, o melhor você faria juntando-se àqueles que compartilham da sua visão e este ambiente não é o compatível.

    • Ao comentário do Eugênio

      Conquanto em alguns pontos não lhe falte razão, não foram esses os motivos da derrocada do governo da presidenta. Fosse assim, o seu presidente bozo já estaria na papuda.
      A ex-presidenta foi deliberadamente antipatizada, caluniada, sabotada, traida e condenada.
      Não nos esqueçamos que enquanto o mundo se desmoronava em crise econômica, o país vivia sua melhor fase sob o governo PT.
      Todo os fãs da américa de cima deveriam ter a percepção de que o que é bom para os state NÃO É BOM PARA O BRASIL.
      Pode ser que você tenha a percepção de que vivemos um momento de melhor acerto de administração de governo que na era PT. Se esse for o caso, o melhor você faria juntando-se àqueles que compartilham da sua visão e este ambiente não é o compatível.

  11. Parabens pelo texto.

    Engraçado é que não há e pelo jeito não haverá nenhum tucano ladrão preso. O Sr Serra é Aecio Neves continuam em liberdade e pegaram o Lula como bucha. O único verdadeiro presidente, depois de Várgás que esse País já teve, fora esses não tivemos outros que se preocuparam com os pobres e só por isso, um suicidou-se e o outro prenderam politicamente. Isso é BRASIL.

  12. Como posso ter feito esse comentário se somente agora vcs publicaram. Por outro lado, por diversas vezes vcs. lancaram mão desse argumento para não publicarem meus comentários. Será por que?

  13. A diferença básica entre PT é PSDB é basica: o primeiro se preocupa c os pobres e o trabalhador e o segundo só c os ricos. O PT luta pela soberania do país, enquanto os tucanos querem é entregar de bandeja a riqueza nacional. Essa mulher não consegue esconder seu apoio aos tucanos e ao bozo. Incrível, uma historiadora perceber a diferença entre esquerda e direita.

  14. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome