Coronavírus adia julgamento de recurso de Lula no caso Atibaia

TRF-4 decidiu que não haverá sessões na próxima semana, informa o advogado do petista

Jornal GGN – O TRF-4 decidiu que na próxima semana não haverá sessões em suas dependências. Com isso, recurso do ex-presidente Lula no caso Atibaia será adiado. É o que informa o jornal O Globo, que conseguiu conversar com Cristiano Zanin, advogado do petista.

Segundo Zanin, “fomos informados que não haverá sessão no dia 25. Foi uma decisão do TRF-4 seguindo essa orientação geral de providências para evitar o alastramento do coronavírus.”

A defesa já tinha pedido o adiamento do julgamento dos embargos de declaração do caso Atibaia, alegando necessidade de ter acesso às denúncias que Marcelo Odebrecht apresentou contra a empreiteira Odebrecht e seus atuais dirigentes. A dificuldade de se deslocar até o Tribunal, em Porto Alegre, devido à pandemia do coronavírus, também foi sutentada.

Lula foi condenado a 12 anos de prisão pela juíza Gabriela Hardt no caso Atibaia. Ela copiou parte da sentença de Sergio Moro no caso triplex. Em novembro de 2019, o TRF-4 confirmou a decisão de Hardt.

Leia mais: Casos triplex e Atibaia nasceram corrompidos, diz defesa

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Coronavírus: A vacina Oxford AstraZeneca apresenta até 90% de eficácia

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome