Bolsonaro não confia no voto porque sabe que não merece outro mandato, diz Alckmin

Alckmin, ao lado de Lula, participou com outras lideranças políticas de um ato com os movimentos sociais na noite desta sexta, 27 de maio

Geraldo Alckmin durante ato com movimentos sociais
Geraldo Alckmin, candidato a vice-presidente na chapa com Lula em 2022, durante ato com movimentos sociais. Foto: Reprodução/Youtube

Candidato a vice-presidente na chapa de Lula em 2022, o ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, hoje no PSB, disse nesta sexta (27) Jair Bolsonaro ataca o processo eleitoral não porque não confia nas urnas, mas sim porque sabe que não merece outro mandato. Pesquisa Datafolha divulgada na quinta (26) mostrou que Lula abriu vantagem de 21 pontos sobre Bolsonaro e, se a eleição fosse hoje, ganharia no primeiro turno com 54% dos votos válidos, contra 30% do atual presidente.

“O Bolsonaro, não é que ele não confia na urna eletrônica. Ele não confia é no voto dos brasileiros, porque ele sabe que não merece outro mandato”, disparou Alckmin. O Instituto Datafolha ainda mostrou que 73% dos brasileiros confiam na urna eletrônica, apesar dos ataques de Bolsonaro e facções dos militares que apoiam o governo.

Alckmin, ao lado de Lula, participou com outras lideranças políticas de um ato com os movimentos sociais na noite desta sexta (27). O ex-tucano fez um discurso acalorado, exaltando a candidatura de Lula e afirmando que o futuro governo do petista terá canal aberto com os movimentos sociais. “É a hora e a vez dos movimentos sociais”, disse Alckmin.

Democracia é coisa frágil. Defendê-la requer um jornalismo corajoso e contundente. Junte-se a nós: www.catarse.me/jornalggn

Sem mencionar a chacina na Vila Cruzeiro ou a morte de um homem de 38 anos durante abordagem da Polícia Rodoviária Federal em Sergipe, Alckmin também atacou o discurso violento do governo Bolsonaro. “Chega de sofrimento, exclusão, morte, violência e desemprego”, alémd do “negacionismo na Saúde”, frisou Alckmin, lembrando que “água tratada, saneamento, vacina e antibiótico mudaram o mundo”.

O candidato a vice disse que Lula tem condições de arrumar o País. Assista abaixo:

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador