Liberdade de imprensa? A quem (ainda) pensa enganar a grande imprensa brasileira???

A grande mídia quer cegar o leitor com “suas verdades”






…Desinformar tornou-se componente político dos mais usados nas disputas por espaços de poder,
hegemonias políticas, no afã de seduzir e (de)formar a opinião pública.
As palavras são lançadas para atingir objetivos obscuros.

A liberdade de imprensa, nos dias de hoje, se confunde com os interesses dos empresários do
setor e suas necessidades de transformar suas opiniões em “verdades”.
A informação é, de fato, livre para transmitir versões que atinjam parcelas e
interesses distintos?

Texto 3 [a manipulação dos fatos, o exagero da desinformação contumaz para tentar fazer a maioria crer naquilo que favorece grandes grupos da imprensa nacional, acostumados a impor “suas
verdades” como verdades ao público geral].


Liberdade de imprensa ou estelionato midiático?

Lanço um desafio a quem acha que 99% da nossa grande mídia pratica a verdadeira
liberdade de imprensa. Convide um pedreiro ou uma telefonista
com jeito
para as palavras a tentar veicular, em qualquer grande jornal
ou revista
brasileiro, um bom texto sobre algum assunto que se choque frontalmente
com os
interesses dos donos do veículo em questão. Vejamos o que estes
cidadãos
comuns conseguem. Antecipo o destino do texto: a lata de lixo
da caixa
postal virtual do editor de Opinião.
Leia a íntegra, clique AQUI>>>

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador