Enquanto poupa Lava Jato, CNMP pune procuradora que “depreciou” Bolsonaro

Ao publicar imagens depreciativas ao presidente no Facebook, a procuradora da República "deixou de guardar decoro pessoal e de manter conduta pública ilibada"

Do CNMP

CNMP aplica penalidade de censura a procuradora da República que publicou imagens depreciativas ao presidente da República

Nesta terça-feira, 25 de agosto, durante a 12ª Sessão Ordinária de 2020, o Plenário do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) aplicou, por maioria, a penalidade de censura à procuradora da República Paula Cristine Bellotti, lotada na Procuradoria da República em Itaperuna/RJ, em razão de ter publicado, em 2019, na rede social Facebook, imagens depreciativas e ofensivas ao presidente da República, Jair Bolsonaro.

O Plenário, que seguiu o voto divergente do conselheiro Luciano Nunes Maia, apreciou o caso no julgamento de processo administrativo disciplinar originado de reclamação disciplinar instaurada pela Corregedoria Nacional do Ministério Público.

Os conselheiros concluíram que, ao publicar, na rede social Facebook, imagens depreciativas ao presidente da República, Jair Bolsonaro, a procuradora da República Paula Cristine deixou de guardar decoro pessoal e de manter conduta pública ilibada. Os atos da procuradora, nesses casos, desrespeitaram o chefe do Poder Executivo Federal, atuando em descompasso com os deveres funcionais previstos no artigo 236, incisos VIII e X, da Lei Complementar n. 75/1993, menosprezando, ainda, as funções constitucionais do Ministério Público, como a defesa da ordem jurídica e do regime democrático de direito (artigo 127, caput, da Constituição Federal).

De acordo com os autos, a procuradora da República Paula Cristine, por meio de sua conta na rede social Facebook, publicou charge com a imagem de eleitores de Jair Bolsonaro com nádegas em vez de rostos e suásticas estampadas em suas camisas e de montagem em que o rosto do presidente Jair Bolsonaro aparece no corpo da apresentadora Xuxa.

Além disso, também por meio de sua conta na rede social Facebook, a procuradora da República publicou charge insultuosa e depreciativa ao presidente da República Jair Bolsonaro, em que, de joelhos, lambe os sapatos do presidente dos Estados Unidos Donald Trump, com afirmação autoral de que “Bolsonaro é um miserável e quer que nós nos tornemos iguais a ele! Cabe a nós decidir”.

Leia também:  Humor para sobreviver aos tempos de bolsonarismo

Ainda por meio de sua conta na rede social Facebook, a procuradora da República Paula Cristine publicou fotografias da manifestação dos estudantes em defesa da educação e de ato a favor do governo federal, acompanhadas da afirmação autoral “Estudantes e trabalhadores X o lixo que ocupa a presidência da República e seus vagabundos e fracassados”.

Diante dos fatos, o Plenário do CNMP concluiu que a procuradora da República Paula Cristine Bellotti violou os deveres funcionais dispostos no artigo 236, VIII e X, da Lei Complementar nº 75/1993, ensejando, por consequência, a aplicação da sanção disciplinar de censura, consoante artigo 240, II, daquela Lei Complementar, salientando-se, ainda, como inobservada a Recomendação n. 01/2016 da Corregedoria Nacional do Ministério Público.

Processo: 1.00178/2020-00 (processo administrativo disciplinar).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

5 comentários

    • Aí vc está de sacanagem somebody!
      Prostíbulos são lugares onde se tem muito mais respeito que nossa “justiça”.
      Um abraço!

  1. Com a Presidenta Dilma a PF fez até tiro ao alvo com a imagem dela e ninguém foi punido. Fora os ataques sórdidos e machistas que ela sofreu quando foi ilegalmente deposta.

  2. Certo. Membro da magistratura ou do MP tem dever de resguardar sua conduta pessoal pra não contaminar sua conduta profissional. Agora, a pergunta que não pode ficar sem resposta: o chicote que deu sem dó no lombo da Procuradora Dra. Paula também vai lamber no couro dos politiqueiros dr. Dallagnol e dra. Thamea??????????????

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome