Guedes diz que “barulheira política está contaminando a economia”

Bolsonaro tem sido o protagonista do caos entre os poderes. Segundo o ministro, o "enorme barulho político tem que ser reduzido"

Agência Brasil

Jornal GGN – O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta sexta-feira, 21, que a “barulheira política” ocasionada, em grande parte, pelo seu chefe, Jair Bolsonaro (sem partido), está prejudicando a economia do país. 

APOIE O JORNALISMO CRÍTICO E INDEPENDENTE. ASSINE O GGN AQUI

“Estamos numa democracia. Quem ganha a eleição tem direito de governar, você pega a senha e vai pra próxima eleição e ganha a próxima. Mas nós não estamos conseguindo interromper esse ciclo de agudização dos confrontos políticos”, disse Guedes, durante um evento virtual de uma corretora de investimentos.

“Tem enorme barulho político, ele é compreensível, mas tem que ser reduzido (…) É essa barulheira política que está contaminando a economia. E barulheira política tem dois lados”, avaliou.

Bolsonaro tem sido protagonista da crise entre os poderes. Em meio a críticas e ataques ao Congresso e Judiciário, ontem o mandatário apresentou um pedido de impeachment contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. A ação acirrou ainda o cenário caótico.  

Guedes, no entanto, justificou as ações de Bolsonaro. Segundo ele, o chefe apenas reage às ações das instituições, que devem “moderar os atores” que estão se “excedendo”. 

“Tem um ex-deputado que ameaça o Supremo. Aí o Supremo começa a quebrar sigilo, prender pessoas. Quer dizer, você começa a entrar num regime estranho. O presidente está governando, antes você trombava com escândalos em cada esquina, hoje tem que fazer uma CPI enorme, que começa com vacina, já está em fake news, ela está procurando, é uma caçada até achar, aí o presidente reage”, disse.

Com informações do G1.

0 Comentário

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador