Liberdade de imprensa só se houver vantagem financeira? A briga pelos milhões da publicidade do governo

  • Verba de publicidade pública diluída em novas mídias: interesses contrariados

     

    A informação tornou-se insumo importante para a economia mundial: saber é poder.
    A liberdade de imprensa, nos dias de hoje, se confunde com os interesses dos empresários do setor e suas necessidades de transformar suas opiniões em “verdades”.

    A informação é, de fato, livre para transmitir versões que atinjam parcelas e interesses distintos?

    Texto 2 [a luta “intestina” por fatias generosas da verba pública: a imprensa brasileira
    chatageia com matérias o governo].

    Mantida por Dilma, política de publicidade cria disputas ‘intestinas’
    Ampliação da lista de veículos pagos em troca de propaganda oficialincomoda adversários políticos do governo e cria dificuldade para entidades
    representantes de empresas administrar interesses conflitantes dos sócios.
    Leia aíntegra, clique AQUI>>>

    0 Comentário

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

    Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

    Seja um apoiador