A morte de Howard Zinn

Por Gustavo S.

Morte de Howard Zinn

Sugestão de pauta, Nassif:

faleceu ontem, aos 87 anos, em viagem a Santa Mônica (Califórnia) o historiador, ativista político e – por que não? – anarquista Howard Zinn: http://pt.wikipedia.org/wiki/Howard_Zinn

Zinn foi uma figura muito importante nas mobilizações pelos direitos humanos nos EUA nas décadas de 1950 (qdo era professor no Sul e ajudou a lutar contra a segregação) e de 1960 (quando protestou contra a Guerra do Vietnã), entre outros feitos. Nas palavras de N. Chomsky: “ele deixou uma contribuição incrível para a cultura intelectual e moral americana. Ele mudou a consciência da América de uma forma muito construtiva. Eu realmente não consigo pensar em ninguém a quem eu posso comparar a ele nesse quesito”.

aliás, foi recentemente traduzida para o português sua autobiografia: “Você não pode ser neutro num trem em movimento” (ZINN, Howard. Curitiba: L-Dopa Publicações, 2005). mais detalhes em: http://ldopaeditora.wordpress.com/catalogo/voce-nao-pode-ser-neutro-num-trem-em-movimento-howard-zinn/

Zinn ainda é relativamente pouco conhecido no Brasil. Vale a pena divulgar seus feitos. Quem quiser saber mais, recomendo o livro dele (a autobiografia mencionada acima).

o parágrafo de texto abaixo, retirado da obra “Você não pode ser neutro num trem em movimento”? acho q resume bem o espírito do Zinn.

“O que nós enfatizamos nesta história complexa irá determinar nossas vidas. Se nós só vemos o pior, isto destrói nossa capacidade para fazer algo. Se nós nos lembrarmos das épocas e lugares – e existem tantos – onde as pessoas agiram de maneira magnífica, isto nos dá energia para agir, e ao menos a possibilidade de mandar o mundo numa direção diferente. E se agimos, de qualquer maneira – ainda que pequena -, não precisamos esperar por algum grande futuro utópico. O futuro é uma infinita sucessão de presentes, e viver agora como nós acreditamos que seres humanos devem viver, desafiando tudo que de mal existe ao nosso redor, é em si uma maravilhosa vitória.” (Howard Zinn – Você não pode ser neutro num trem em movimento)

Fonte: http://ldopaeditora.wordpress.com/2010/01/28/falecimento-de-howard-zinn/

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora