A alteração nos critérios do Saresp

Por mcn

Nassif,

Essa história de melhoria da nota do IDESP está muito mal contada. Em fevereiro, quando a Secretaria de Educação divulgou as notas das provas do SARESP, que é a base de cálculo do IDESP, os resultados foram pífios. Houve, na época, inclusive a suspeita de alteração de critérios de classificação, conforme denúncia do Jornal Agora:

27/02/2010 – Agora

Governo Serra altera classificação das notas para elevar médias

A gestão José Serra (PSDB) modificou a classificação do Saresp para elevar as médias dos alunos. Se o modelo utilizado no ano passado fosse mantido, nenhuma das séries avaliadas teria superado o conceito básico

Adriana Ferraz
do Agora

A gestão José Serra (PSDB) modificou a classificação do Saresp para elevar as médias dos alunos. Se o modelo utilizado no ano passado fosse mantido, nenhuma das séries avaliadas teria superado o conceito básico.

Pelo novo sistema, a Secretaria de Estado da Educação reduziu o número de notas dentro de uma escala que vai de zero a 500 pontos. Até 2008, o exame oferecia quatro conceitos: abaixo do básico, básico, adequado e avançado. Agora são apenas três. O básico e o adequado transformaram-se em suficiente, puxando a média para cima.

http://www.agora.uol.com.br/saopaulo/ult10103u699810.shtml

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome