Lava Jato consegue matar pai e filho

Incluam-se nessa conta Marisa Letícia e Luiz Carlos Cancellier.

Poderia ser uma investigação séria, que identificasse os crimes e punisse os culpados. A Lava Jato quis mais. Passou a espalhar o terror, o medo, a destruição sistemática das empresas e as ameaças recorrentes contra os réus.

Conseguiu um feito à altura da Mãos Limpas. Graças a esse clima de terror, em 2017 morreu César Pires, de infarto. Hoje, morre o filho Cesar Mata Pires, 41 anos, também de infarto.

Incluam-se nessa conta Marisa Letícia e Luiz Carlos Cancellier.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Fizemos a nossa parte, por Wilson Ramos Filho

14 comentários

  1. Já há diversos motivos para estarmos na época da morte súbita e conforme comentei ontem, a dinâmica do medo utilizada (o que a operação ‘spoofing’ busca é algo diferente de medo, terror?), conscientemente ou não, para dar caldo à cultura do ódio tem bastante a ver com isto. Mesmo a leve irritação na mente, faz imediatamente o corpo responder, ao instilar toxinas na corrente sanguínea, em especial adrenalina e cortisol, os ditos hormônios do estresse. Ao serem secretadas, a reação bioquímica provocada pela acidificação no sangue é a de dilatarem os vasos para que o fluxo deste chegue mais rapidamente aos órgãos e o processo depende sempre do coração, o principal músculo ali usado. Logicamente que a repetição forçará as veias e vasos, propiciando que envelheçam antes do tempo (arteriosclerose) favorecendo a ocorrência de problemas futuros como AVCs (derrames), aneurismas e infartos, já que os músculos e o principal deles, o coração vai ficando debilitado, hipertenso e fraco. O mecanismo é tão imediato que basta que se fique nervoso e o rosto já se torna rubro, como resultado do maior fluxo de sangue nas veias ali. Problemas do coração são hoje a principal causa mortis no mundo. Estados emocionais volúveis, provocados pelas frustrações, raivas, medos, indignações com tantos motivos para acontecerem, trazem abrangência a este quadro atual. Não é científico, mas agentes da saúde tem a percepção de que as segundas-feiras e a parte da manhã são períodos em que mais ocorrem problemas cardíacos. Infelizmente hoje fala-se mais sobre como desestressar e o que nos ajudaria bastante, pouco se estuda e ensina: a evitar de se estressar. Estresse começa na mente e basta lembrar onde raiva, preocupações, medos, indignações são processadas. O que não é resolvido, continua na mente subconsciente a causar pressão e é quando a repressão passa a ser opressora. O corpo é como uma marionete que responde sem perguntar. Grande parte dos problemas cardiovasculares tem causas psicossomáticas. Psicossomática é a combinação de psiquê (sopro da vida) com a soma (corpo) em um processo dinâmico (ática). O corpo buscando processar e emular uma condição compatível com o estado da mente e lembremo-nos de que o corpo não possui sensatez. Sensos como os de justiça/injustiça, bem/mal, certo/errado, que ajudam a formar a nossa moralidade que influi no processo decisório, são formações abstratas de nossa mentalidade. Crenças, valores, significados, discriminações estão ali, submersas mas são elas que fazem mover o iceberg onde só se vê a ponta, Neste mundo complexo, imprevisível com tantas contradições e divisões, injustiças e armações, saúde mental é a principal bandeira se queres mesmo praticar a resistência. E para diminuir um tanto de nosso ego, lembremos de que o planeta vai continuar cumprindo todos os seus processos, quer estejamos vivos ou não.

    https://www.paho.org/bra/index.php?option=com_content&view=article&id=5253:doencas-cardiovasculares&Itemid=1096

    https://www.bbc.com/portuguese/ciencia/020422_raivaae.shtml

    http://www.brazilhealth.com/Visualizar/Artigo/73/As-Emocoes-e-o-Coracao

    https://saude.estadao.com.br/noticias/geral,ansiedade-aumenta-risco-de-doencas-cardiacas-diz-estudo,105922

    12
  2. Se for contar o tanto de pobre (e ex-classe média) que já morreu por ficar com saúde debilitada, sem recursos nem ânimo para se tratar após ficarem desempregados com a destruição pela Lava jato, talvez chegássemos póximo a um genocídio.

    12
    1
  3. DESESPERADO E ACUADO, COM A POPULARIDADE CAINDO, ACHAM QUE ELE FICARIA QUIETO ?
    ELE PENSA QUE É ESPERTO, MAS A GENTE JA SABIA QUE A TAL LICENÇA, E A IDA PROS sTATES, ERAM UM PRENUNCIO DO QUE ESTAVA POR VIR.
    É UM RATO , E QUERO VÊ-LO NA SARJETA, DE ONDE NUNCA DEVERIA TER SAIDO.

    14
    • Infelizmente, nem você, nem eu, nem ninguém, verá esse desfecho, simplesmente, porque o Brasil é um país em que não existe um sstema de Justiça que imponha qualquer sanção, até mesmo, muito menos gravosa do que essa, contra esses “semideuses” do tipo Moro, Dallagnol e, todos os demais responsáveis pelos desmandos e, por que não dizer, pelos crimes cometidos, reiteradamente, pelos condutores desse processo inquisitorial, ao qual deram a alcunha de Lava Jato.
      Portanto não podemos nos deixar contagiar por esperanças vãs!

      4
      2
  4. É imprecionante como defendem ladrões. Todos são ladrões que quebraram nosso pais. Tem é que mudar a lei para que as provas evidentes sejam aceitas para colocar mais ladrões na cadeia.
    O filho do bolssonaro tambem já devia estar preso. O Tofole tambem. Quem esta condenado pela lavajato é ladrão mas tem muitos soltos.

    1
    1
  5. Porra, antigamente só matavam o primogênito, agora matam a família inteira!
    Melhor o neto meter o pé. E, se existir, leva o bisneto junto.

  6. É melhor reservar um presídio para
    os bolsomineos após desfecho da vaza jato, do jeito que respondem quando ouvem verdades, vão sair para matar.

  7. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome