Depois de sete anos, cúpula do PCC volta a se encontrar

Os três principais integrantes da facção criminosa paulista segundo o MP – Marcola, Tiriça e Abel Vida Loka – estão presos em presídio federal de Brasília; autoridades criticam transferências

De Ponte Jornalismo

Cúpula do PCC volta a se encontrar em Brasília após sete anos de isolamento

Foto: Reprodução

Depois de sete anos de isolamento, a sintonia final geral ou a cúpula do PCC (Primeiro Comando da Capital), como é chamado o grupo que comanda a facção, volta a se encontrar, dessa vez na Penitenciária Federal de Brasília. O reencontro de Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, Roberto Soriano, o Tiriça, e Abel Pacheco de Andrade, o Vida Loka, na mesma prisão já preocupa as autoridades do Distrito Federal.

O governador Ibaneis Rocha criticou a transferência do líder máximo do PCC para a capital federal, realizada na última sexta-feira (22/03). “Isso é um absurdo, um erro. A presença dos líderes do PCC em Brasília vai atrair outros criminosos dessa facção para aterrorizar o Distrito Federal”, reagiu o governador. O presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) do DF, Délio Lins e Silva, disse que o presídio federal “trará vários Marcolas para Brasília”.

Segundo organograma feito pelo MP (Ministério Público) do Estado de São Paulo, o nome de Marcola aparece no topo da organização, seguido por Tiriça e Vida Loka. A sintonia final geral do PCC era composta por oito presos. Três deles, Rogério Geremias de Simone, o Gegê do Mangue, Fabiano Alves de Souza, o Paca, e Edilson Borges Nogueira, o Birosca, foram assassinados.

Os outros dois são Júlio César Guedes de Moraes, o Julinho Carambola, e Daniel Vinícius Canônico, o Cego, transferidos no mês passado para a Penitenciária Federal de Mossoró – onde permanecem reclusos, diferentemente do que aconteceu com os demais nesta semana.

Outros três nomes de peso na hierarquia do PCC também estão cumprindo pena na Penitenciária Federal de Brasília. Um deles é Wanderson Nilton de Paula Lima, o Andinho, condenado a mais de 800 anos; o outro é Alejandro Juvenal Herbas Camacho Júnior, irmão de Marcola, e o terceiro é Cláudio Barbará da Silva, o Barbará.

Investigações do Gaeco de Presidente Prudente apontam que Marcola, Tiriça e Vida Loka, ao lado de Gegê, tomavam em conjunto as decisões do PCC quando estavam presos na Penitenciária 2 de Presidente Venceslau. A retirada da cúpula de São Paulo gerou apreensão dentro do sistema prisional paulista, mas, até o momento, não aconteceu nenhuma reação por parte do grupo criminoso.

Parte da sintonia final, como Gegê do Mangue, Paca e Birosca, está morta | Foto: Reprodução

Em novembro de 2012, com a remoção de Tiriça para a Penitenciária Federal de Porto Velho, teve início a separação da sintonia final geral do PCC. A transferência se deu pois Tiriça é apontado como mandante de ataques ocorridos no mesmo ano contra policiais de São Paulo.  Em junho de 2016, a Justiça de São Paulo também autorizou a remoção de Vida Loka para um presídio federal. A motivação seria motins em presídios do Vale do Paraíba.

A separação da sintonia final geral do PCC e a remoção dos homens da cúpula da facção para presídios federais não impediram a liderança do grupo de continuar agindo. Roberto Soriano foi indiciado sob a acusação de ter ordenado, de dentro da prisão, assassinatos de agentes federais. Abel Pacheco de Andrade é acusado de planejar ataques a bombas contra prédios públicos e contra as forças de segurança.

Hoje, o principal nome do PCC nas ruas é Gilberto Aparecido dos Santos, o Fuminho, responsável por comandar o tráfico de drogas da Bolívia e Colômbia para o Brasil – posteriormente, a droga é enviada à Europa. Segundo o MP paulista, Fuminho está escondido em um desses dois países, de onde dá as ordens. Apesar desta atuação, seu nome não aparece em listas de procurados pelas polícias, seja do Brasil ou da Europa.

O medo das autoridades de Brasília é que a sintonia final geral, agora recolhida na mesma prisão federal, possa ser alvo de uma violenta ação de resgate. O Depen (Departamento Penitenciário Nacional) sustenta que os líderes de facções são sempre transferidos de uma prisão federal para outra, numa espécie de rodízio e em período curto, justamente para não criar vínculo.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

23 comentários

  1. Não acredito em coincidência.
    Acho que existe um projeto por detrás disso.
    Foi pela mão do agente moro?
    Se foi…o objetivo é reforçar o PCC.

  2. Milicianos e facções tem interesses semelhantes. Táticas parecidas,apenas a estratégia é outra. Aliados eventuais de acordo com as compensações oferecidas. Portanto,uma atuação regional pode se converter em nacional ,basta os meios estarem nas mãos certas trazendo resultados insuperáveis.

  3. O Marcola e os outros que se cuidem!!! Pois estão no ninho dos maiores criminosos do Brasil 😂😂 se eles tiverem carteira tem que ficar esperto, pois os políticos estão soltos 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣

  4. O PCC tem uma organização invejável por isso cresceram, lá não tem quebra de regras quando acontece paga-se com a vida

  5. Na minha opinião eles estão no lugar certo Brasília que nada meus e a cúpula dos padrões do povo vamos ver que esses políticos de merda vão fazer quando o terror chegar na porta deles enquanto estava na nossa eles ao estavao nem aí agora eu quero que eles sintao na pele o terror aí sim eles vão fazer alguma coisa contra o crime ou sei lá talvez eles se batize para valer parte da facção isso é se já não fazem parabéns morro jogou as cobras no ninho dos ratos 👍👍👍

  6. TA certo eles lá msm pq Brasília e o lugar dos bandidos e os que ESTÃO gorvenado la são mas bandidos do que eles Palmas para marcola e a cúpulas deles…

  7. Quem inveja organização de facção é tão bandido quanto, lamentável,cidadão dizer que facção tem organização invejável.

  8. O incrível desse governador de quinta é que ele deveria bater no peito e dizer aqui não vai se criar mas não ele expõe o medo em rede nacional é um fraco.

  9. Jabulane,eu acredito que você tem que aprender a ler para depois criticar. A informação está correta você que não percebeu.

  10. Agora deu certo foi a mudança que Bolsonaro prometeu ao povo está se cumprindo ele vai ter o pvc pra proteger ele é sua turma

  11. Pcc é melhor coisa que Aconteceu agora aguenta Brasília na hora de roubar o povo de bem vocês roubam agora você vai ver o que é munição de verdade bolsonaro dívida e se unir ao pcc e pegar esses políticos que roubam o Brasil os idosos

  12. Bom dia a todos
    Muito vergonhoso sim saber que os nossos governantes ficam na mãos de uma organização criminosa
    Cerdo que o nosso presidente e um militar e tem que saber que medidas ser tomadas pois temos um custo muito alto para treinamento militar como exercício marinha eronaltica para guerra e não samos capaz de iluminar está organização que vem fazendo vítima no nosso país não é justo toma atitude presidente matou morreu mandou morreu estamos com vc bosonario te colocamos aí para fazer vale sua presença

  13. Esse governador de Brasília tem o mesmo problema de Alkimin, vive com o c… na mão pois esse estovo do partido do crime bem como seus como armas já deveriam estar no presídio Federal de a muito tempo e agora que estão vão ficar fazendo esconde esconde com eles, isto mostra o quanto a segurança pública do Brasil e fracassada pois se o presídio e de segurança máxima pra que ficar com este troca troca de cadeia, põe lá e se tentarem qualquer ação manda chumbo neles e no preso que estão tentando resgatar, aí acaba essa preocupação com vagabundo.Mais infelizmente o Brasil em termos de se lidar com vagabundo está em último lugar até porque aqui eles tem direitos mais do que o trabalhador, vejam no caso dos bandidos políticos, não demora e vão dar um prêmio para os lesadores do herario publico, ao invés de punição e cadeia.

  14. Cidade certa aí fica sede polícia federal, sede polícia rodoviária federal, tem a polícia distrito a mais bem paga, nós aqui do interior de São Paulo da cidade de Presidente Venceslau agradeço ao ministro mouro pela atitude.

  15. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome