A imagem e as pesquisas

A agressividade é uma faca de dos gumes. Se quem a utiliza vence, torna-se um vitorioso; se perde, torna-se um fanfarrão. O agredido pode tanto ser considerado fraco como vítima. Daí a linha correta que vinha sendo adotada por Luiz Gonzales, o marqueteiro de Alckmin, e que foi desobedecida no debate, depois das sucessivas interferências de ACM, Tasso e FHC.

Nos jornais de ontem, todas as avaliações eram de que Alckmin havia vencido o debate com Lula. Olhando as fotos estampadas nos jornais, via-se o ar de vitória em Alckmin e de derrota em Lula.

Depois da divulgação da pesquisa do Datafolha, de que aumentou a diferença de votos entre Lula e Alckmin, as mesmíssimas fotos dariam uma leitura totalmente oposta.

O grande problema é que o resultado final é como a eleição: só se sabe depois da apuração.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora