A reação americana

Do leitor André Araújo

Nassif,

Estão se formando vários comitês antiguerra nos EUA. Este cujo site retransmito é chefiado por Paul Craig Roberts, que foi editor associado do Walll Street Journal e Subsecretario do Tesouro dos EUA. É também colunista do Business Week. O texto é impressionante.

Ele mostra o dano à nação americana causado pelo alinhamento dos EUA com Israel e a falácia da alegação que o Hezbollah usa escudos humanos e por isso a culpa da morte de civis é do Hezbollah. Segundo ele, o Hezbollah por razões de segurança opera longe de agrupamentos civis porque teme ser delatado por espiões israelenses infiltrados na população. A principal arma do Hezbollah é a invisibilidade e a mobilidade e exatamente por isso fica longe das aldeias. Faz sentido.

Os ataques israelenses a alvos civis, segundo ele, visam mesmo atingir a população civil em um processo de limpeza étnica, no sul do Líbano, parecido com o que os sérvios usaram na Bósnia, destinado a limpar a área.

O texto é muito bem articulado é consistente, principalmente porque produzido por um americano de elite, que nada tem a ver com árabes.

Atalho para: http://www.antiwar.com/roberts/?articleid=9381

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora